Segunda-feira, 1 de Março de 2010

Seminário Internacional “A Cidade a Pé” - Programa Europeu “Active Access” - dia 18 de Março em Aveiro

Inscrições disponíveis no site da autarquia

Vai realizar-se, no dia 18 de Março, o Seminário Internacional “A Cidade a Pé”, no Centro Cultural e de Congresso de Aveiro, entre as 9 e as 18 horas.

O seminário surge no âmbito da aprovação do Projecto Europeu de Mobilidade “Active Access”, integrado no programa europeu Intelligent Energy Europe, do qual o Município de Aveiro é um dos 17 parceiros europeus que integram a rede de cidades promotoras de medidas de mobilidade.

As inscrições estão disponíveis através do site da Câmara Municipal de Aveiro, em www.cm-aveiro.pt.

Este evento pretende divulgar e discutir o objectivo principal do Projecto Europeu “Active Access”, que reside na promoção de políticas que aumentem a circulação ciclável e, sobretudo, pedonal nas pequenas deslocações dos cidadãos, ganhando consciência das hipóteses de compras, serviços e lazer na sua vizinhança. Estarão presentes representantes e especialistas dos diversos parceiros europeus.

O projecto europeu ambiciona conseguir uma redução substancial do consumo de energia e emissões, bem como melhoria na saúde das populações, prosperidade do comércio tradicional e ainda o aumento do sentido de pertença a um lugar, reforçando os laços de vizinhança e implementando a urbanidade.

O projecto “Active Access” tem como parceiros europeus, além de Aveiro, uma rede constituída pela Universidade de Napier (líder do consórcio) e pelas cidades de Koprivnica na Croácia, L’Aquila em Itália, Szeged na Hungria, a Austrian Mobility Research, o município de Tartu na Estónia, a Agência de Energia de Harguita, o Club de Ciclistas da Hungria, o Centro Nacional de Saúde da Eslovénia, o Instituto Alemão de Assuntos Urbanos, a Agência de Energia Prioriterre de Annecy em França, a Agência de Energia de Ribera em Espanha, Cities 4 Mobility, Universidade de Chipre, Walk 21 e The Association for Urban Transition.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:53

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 26 de Fevereiro de 2010

Recortes de jornais desde a década de 40 em exposição até Setembro em Anadia

Museu José Luciano de Castro recebe mais de 50 mil recortes que retratam as gentes da terra

O resultado de mais de 65 anos a recortar notícias de jornais pode agora ser visto e analisado na sala de exposições temporárias do Museu José Luciano de Castro, situado no Palacete Seabra de Castro, em Anadia. “Recortes de História” é a exposição que inaugurou no último sábado, dia 20 e que retrata a dedicação de João Venâncio Marques, autor, às gentes de Anadia.

São mais de 50 mil os recortes compilados por João Marques, todos eles agrupados em dossiês e organizados por temas, sejam eles personalidades ou instituições de Anadia, do concelho e até da Bairrada.

Nuno Rosmaninho, docente do Departamento de Línguas e Cultura da Universidade de Aveiro (UA), responsável pela apresentação da exposição, assinalou o momento como sendo “de grande importância para os estudos locais de Anadia e não só”.

O professor da cadeira de Cultura e Património na UA falaria sobre três circunstâncias: da exposição, do homem e da obra em si. Também Rui Rosmaninho recorreu, em Dezembro de 1990, à ajuda de João Venâncio Marques, que “disponibilizou, com muita simplicidade, a documentação de que já dispunha, em significativa quantidade”.

O docente referiu que os recortes de João Marques são “um acervo que é uma verdadeira enciclopédia de Anadia e da Bairrada”. E referindo-se à revista Aqua Nativa, onde escreve, lembrou que daquilo que se publica “há sempre algo de útil no arquivo de João Marques. Quer documentos, quer fontes”.

 

Um “verdadeiro banquete”

Para Rui Rosmaninho, “Recortes de História” é um “verdadeiro banquete deste século, sobretudo para quem gosta de História Local. É uma revisitação quase faustosa do passado”.

Os recortes estão organizados em pastas sobre o Ensino Primário, o Colégio Nacional, Lions, o Café Anadia, o Teatro. Existe também uma quantidade inúmera de pastas dedicadas a figuras, das mais remotas às mais recentes, como Fausto Sampaio, Mário Pato, Rodrigo Rodrigues dos Santos ou Manuela Alves.

Os recortes de João Marques, para Rui Rosmaninho, têm uma grande importância do ponto de vista científico e pedagógico: “Por restabelecer o contacto com a História Local, é por isso uma exposição que deve interessar a escolas, por ter muitos trabalhos de índole pedagógica”.

O professor da UA disse que o espólio deve ser preservado conforme foi entregue pelo autor, podendo somar-se mais recortes. “Não vi em todas as pastas a dos escritos do senhor João Marques. É um trabalho de grande interesse, que não vi, mas que também deve estar”, sublinhou Nuno Rosmaninho.

 

Espólio vai ser digitalizado

O local onde o espólio foi colocado “é o natural. É um óptimo local, de serviço à comunidade e um lugar de cultura e grande importância”, afirmou Rosmaninho, congratulando-se com o facto de o espólio ser futuramente digitalizado, “o que vai constituir uma alavanca em termos de divulgação, porque a sua capacidade de multiplicação pedagógica e científica aumenta muito”.

Rui Rosmaninho terminou convidando João Marques a “não parar”. E foi a esposa, Angelina Pina, que rapidamente disse que não deixava.

Carlos Matos, provedor da Santa Casa da Misericórdia de Anadia, lembrou que a exposição “é uma pequeníssima parte do que João Marques tem feito e doou à instituição”, agradecendo publicamente por isso. Litério Marques, presidente da Câmara de Anadia, classificou a mostra como “um trabalho fantástico”.

João Venâncio Marques, emocionado, agradeceu à esposa e referiu-se àquele como “um dos grandes momentos da minha vida”.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:04

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 8 de Fevereiro de 2010

Curia Tecnoparque recebe lançamento do número 36 da revista Aqua Nativa

Nova edição dedicada à freguesia de Tamengos, Anadia

Uma reflexão e análise históricas sobre um espaço carregado de memórias. Assim poderia definir-se a sessão de lançamento do número 36 da Revista de Cultura e História Local Aqua Nativa, edição dedicada a Tamengos, que juntou no auditório do Curia Tecnoparque, em Tamengos, alunos da Universidade Sénior da Curia (USC) e também muitos habitantes da localidade homenageada.

Nuno Rosmaninho, docente do Departamento de Línguas e Cultura da Universidade de Aveiro, proporcionou uma verdadeira aula de História Local a todos quantos puderam assistir ao lançamento de “Dossiê Tamengos”, cuja leitura permitirá uma “viagem pelo espaço, pelas pessoas e por quotidianos totalmente diferentes” dos que se conhecem hoje e que dizem respeito à realidade daquela freguesia do concelho de Anadia, até há 50 anos atrás.

O autor e investigador explicou que esta é uma temática com grandes “virtudes cívicas”, uma vez que poderá fazer “entender melhor e lutar por um lugar”. E como “o que há ainda para fazer é imenso”, este “Dossiê Tamengos” pode também ajudar a mostrar temas que funcionam como exemplos para quem quer investigar e fazer História Local, até porque “no concelho de Anadia poucas povoações têm estudos sistemáticos feitos”.

O investigador dá o exemplo da preservação do património das igrejas, que ainda não está estudado, e que é urgente “fotografar, medir e pesar”. O autor terminou deixando uma sugestão: a criação de uma “Carta Concelhia do Património”.

Para Alice Godinho, professora de Estruturas Socioculturais da USC, a revista Aqua Nativa - e este número em concreto, dedicado a Tamengos - vêm desempenhar um “importante papel na construção histórica”, revelando-se um “valioso instrumento de trabalho e investigação”.

O dossiê sobre Tamengos reúne um conjunto de realidades já passadas, permitindo também satisfazer a curiosidade dos habitantes de hoje.

Carlos Alegre, director e coordenador da Revista Aqua Nativa, descreveu a publicação como um “espaço de memórias, de histórias de vida”, convidando todos os que gostam de História Local a escrever, “porque realmente têm muito para dizer”.

Esta edição, que completa o 19º aniversário da revista, apresenta um conjunto de artigos e estudos sobre Tamengos ao longo da História, um trabalho de vários autores, que traça um perfil da localidade em cerca de metade da revista.

Está já a ser preparado o número 37 da Aqua Nativa, que incluirá um dossiê de estudos sobre Ancas.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 08:04

link do post | comentar | favorito
Domingo, 31 de Janeiro de 2010

Cerca de 250 pessoas no registo de dadores de medula óssea promovido pela CADES

Solidariedade move população da Bairrada

Cerca de 250 pessoas - dos concelhos da Mealhada e Anadia mas não só - estiveram ontem, dia 30 de Janeiro, na Escola Secundária da Mealhada, na cidade da Mealhada, para participar na recolha de registo de dadores de medula óssea, uma iniciativa organizada pelo Núcleo de Saúde da Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social, em parceria com o Centro de Histocompatibilidade do Centro (CHC), que se deslocou ao local com uma brigada.

Pela Teresa, pelo Afonso, pela Sofia, pela Cármen. Por todos. Foram estas crianças e tantos outros que necessitam de transplante de medula óssea que mobilizaram mais de duas centenas de pessoas para marcar presença na Secundária da Mealhada e inscreverem-se no “Registo Português de Dadores de Medula Óssea”.

Elsa Corga, vereadora da Câmara Municipal de Águeda, também se associou à causa, por já há algum tempo ter intenção de se registar como dadora: “Faltava apenas surgir a oportunidade. Esta causa diz-me alguma coisa. Quando temos casos na família, ficamos sempre mais sensíveis”, disse, frisando que o facto da recolha ter-se realizado num concelho que não o seu “não foi de todo impeditivo para vir. É um dever que temos, independentemente de ser fora de Águeda”.

Para a autarca aguedense, “em todos os municípios deve realizar-se esta acção. Dou os parabéns à CADES por tão nobre iniciativa”, referiu. Janine de Oliveira, presidente da Direcção da CADES, acabaria por assumir à vereadora que a associação “disponibiliza-se para promover a mesma iniciativa no concelho de Águeda”.

Também Júlio Penetra, vereador da Câmara Municipal da Mealhada, veio testemunhar a acção da CADES, defendendo ser “fundamental que se criem estas oportunidades e pretextos para que as pessoas participem nestas ajudas. É este o mérito da CADES”. O autarca realçou ainda a “adesão à acção, com números extraordinários, o que prova que temos um concelho solidário”.

Leonor Lopes, também vereadora da Câmara Municipal da Mealhada, esteve presente para dar o seu contributo, louvando a acção da CADES, que “com tão pouco tempo de existência já dinamiza este tipo de acções”. Margarida Arede, familiar do pequeno Afonso, esteve também na Secundária da Mealhada, sendo responsável pela vinda de várias pessoas à acção da CADES.

 

Balanço muito positivo

A técnica superior de Serviço Social do CHC, Fátima Pires, fez um balanço muito positivo desta acção conjunta com a CADES, que “superou todas as expectativas. As pessoas mobilizaram-se em grande número. Em nome de todos os doentes, o CHC agradece a colaboração à CADES, por ter promovido a iniciativa”.

“Hoje (ontem, dia 30) foi, sem dúvida, um dia de orgulho para a CADES! Actividades como esta revelam com muita humildade que ‘existimos para o outro’. Sinto-me orgulhosa por todos os intervenientes no processo, desde os elementos do Núcleo de Saúde e Comunicação da CADES, aos profissionais que fizeram questão de apoiar a causa, bem como pela forte adesão da comunidade”, referiu Janine de Oliveira.

Para Joana Fernandes e Carole de Oliveira, coordenadoras do Núcleo de Saúde da CADES, a recolha “ultrapassou as expectativas. As pessoas têm de continuar a acreditar neste tipo de causas, porque precisamos todos uns dos outros”.

 

Nova recolha no dia 13 de Fevereiro

Dia 13 de Fevereiro, das 9 às 17 horas, o CHC, situado dentro da cerca dos Hospitais da Universidade de Coimbra, no edifício São Jerónimo, 4º piso, a pedido dos familiares da Sofia vai realizar nova recolha. Quem estiver interessado em inscrever-se pode fazê-lo nesse dia.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:33

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2010

Miguel Frasquilho em Anadia para debater Orçamento do Estado

Palace Hotel da Curia recebe mais uma conferência promovida pelo PSD local

Miguel Frasquilho é o próximo convidado da Comissão Política de Secção do PSD de Anadia (PSD/Anadia), para uma conferência subordinada ao tema do Orçamento do Estado para 2010.

O evento realizar-se-á no próximo dia 5 de Fevereiro, sexta-feira, pelas 21 horas, no Palace Hotel da Curia, na Curia, freguesia de Tamengos.

Miguel Frasquilho é Licenciado em Economia pela Universidade Católica Portuguesa e Mestre em Teoria Económica pela Universidade Nova de Lisboa.

Presentemente é quadro superior do Banco Espírito Santo (BES), onde ocupa as funções de Director-Coordenador do Departamento de Research.

Deputado à Assembleia da República é, actualmente, vice-presidente do Grupo Parlamentar do PSD, com a tutela das áreas orçamental e finanças.

 

Iniciativa “oportuna”

De acordo com José Manuel Ribeiro, presidente da Comissão Política de Secção do PSD de Anadia, “esta iniciativa, além de ser de grande importância é especialmente oportuna”.

A conferência ocorrerá poucos dias após a entrega do Orçamento do Estado para 2010, pelo Governo na Assembleia da República, e antes do debate na generalidade no Parlamento. “Falamos de um orçamento envolto em especiais circunstâncias, em virtude da existência de um Governo de maioria relativa, que se viu obrigado a negociações com vários partidos da oposição”, sublinhou José Manuel Ribeiro.

A iniciativa destina-se aos militantes do PSD, mas está aberta a todos os cidadãos em geral.

 

Ciclo de conferências

Miguel Frasquilho é assim o senhor que se segue a Paulo Rangel, o primeiro convidado da Concelhia do PSD de Anadia para o ciclo de conferências que está a ser levado a cabo por esta estrutura.

Recorde-se que o eurodeputado esteve em Anadia para dar uma conferência com o tema “Educação, Professores e Alunos”, que encheu a sala do Palace Hotel da Curia onde decorreu a iniciativa, com militantes do PSD, simpatizantes e elementos da sociedade civil em geral, que ouviram atentamente os 50 minutos de intervenção.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:57

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 19 de Outubro de 2009

Universidade Sénior da Curia prepara abertura do ano lectivo

Inscrições de amanhã até quinta-feira, para iniciar as aulas dia 26 de Outubro

A Universidade Sénior da Curia (USC) encontra-se a ultimar os preparativos para a abertura do ano lectivo 2009/2010, marcada para o dia 26 de Outubro. Para este ano, que será também o terceiro de funcionamento do projecto, estão previstas algumas novidades no leque de actividades a oferecer aos alunos. As inscrições decorrem de amanhã até quinta-feira (dias 20, 21 e 22).

Depois do êxito alcançado nos dois primeiros anos de funcionamento, a USC pretende continuar a surpreender antigos alunos e a conquistar novos. Para tal, pretende introduzir algumas novidades, como é o caso da nova disciplina de Museologia, Conservação e Restauro, e em simultâneo manter disciplinas como o Inglês, a Informática, a Música, a Saúde, o Teatro, a Pintura ou a História, que são já apostas ganhas, e que mais uma vez os alunos poderão encontrar na USC.

 

Museologia, Conservação e Restauro

No que respeita ao curso de Museologia, Conservação e Restauro pretende-se que a aprendizagem se desenvolva a partir de situações reais, ou seja, a partir de obras que necessitem de ser intervencionadas. Estas poderão apresentar diferentes problemas de degradação e a sua proveniência também poderá ser diversa, desde particulares, instituições públicas, religiosas ou museus. Obras de talha, estruturas em madeira ou grupos escultóricos existentes em igrejas ou em capelas particulares são alguns dos exemplos de obras de arte que poderão ser intervencionadas durante o curso.

Esta disciplina será orientada pelo professor Miguel Duque, técnico responsável pelo restauro do Espólio da Igreja Paroquiana de Avô e respectiva catalogação, da Capela da Agonia e do Santuário de Nossa Senhora das Preces, em Aldeia das Dez, entre outros trabalhos.

 

USC abre período de matrículas

A USC abre as inscrições para o ano lectivo 2009/2010 amanhã, quarta e quinta-feira. Todos os interessados em fazer parte do projecto devem dirigir-se à WRC - Agência de Desenvolvimento Regional, no Curia Tecnoparque, em Tamengos, Anadia e efectuar a sua matrícula. As aulas têm início a partir do dia 26, segunda-feira.

Querer manter-se activo física e psicologicamente, gostar de conviver e, claro, ter mais de 50 anos são os únicos requisitos para ser aluno da USC.

Além de um conjunto de disciplinas nas mais diversas áreas, a componente extracurricular também não foi esquecida. Neste capítulo, a USC tem programado um conjunto de actividades culturais, visitas de estudo e workshops a decorrer às quartas-feiras, durante todo o ano lectivo.

 

Actividades curriculares 2009/2010

Actualidade e Cultura; Aeróbica; Arquitecturas e território; Cidadania Activa; Desenho; Dicas de Economia; Distrito de Aveiro: Estruturas socioculturais; Espaço Danças; Espanhol; Hidroginástica; História da Europa; Internet; Inglês; Italiano; Literatura para a Infância; Literatura Portuguesa: o ruralismo; Multimédia; Museologia, Conservação e Restauro; Música; Neuro - Cultura Visual; Pintura; Saúde e Bem-Estar e Teatro.

Criada em Outubro de 2007, a USC tem como objectivo principal proporcionar e dinamizar regularmente actividades educacionais, culturais e de convívio dirigidas a maiores de 50 anos. O balanço dos primeiros dois anos de existência do projecto foi positivo, com um total de cerca de 120 alunos inscritos nas actividades, na sua maioria provenientes dos concelhos de Anadia, Mealhada e Oliveira do Bairro.

Todos os interessados em efectuar candidatura ou solicitar quaisquer esclarecimentos sobre a USC deverão dirigir-se à WRC de segunda a sexta-feira, entre as 9.30 e as 17.30 horas ou contactar o 231 519 714.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:34

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 22 de Setembro de 2009

“Astronomia na Biblioteca” assinala Ano Internacional da Astronomia em Águeda

Biblioteca Municipal Manuel Alegre realiza iniciativa dia 25 de Setembro

A Biblioteca Municipal Manuel Alegre, em Águeda, vai assinalar, no dia 25 de Setembro, sexta-feira, o Ano Internacional da Astronomia com uma iniciativa intitulada “Astronomia na Biblioteca”, a qual inclui uma palestra e uma sessão de observação através de um telescópio.

A palestra realiza-se no auditório da Biblioteca Municipal Manuel Alegre, pelas 21.30 horas, seguindo-se a observação ao telescópio no Largo 1º de Maio, onde se poderá ver a Lua e outros astros, assim como aprender com as explicações do astrónomo.

A iniciativa, dinamizada pelo astrónomo José Matos, da Universidade de Aveiro, é gratuita e aberta ao público em geral.

O Ano Internacional da Astronomia 2009 é um ano de celebração da astronomia, onde se comemoram os quatro séculos desde as primeiras observações astronómicas feitas com um telescópio por Galileu Galilei e da publicação de “Astronomia Nova”, livro escrito por Johannes Kepler, no século XVII.

A Câmara Municipal de Águeda associa-se a estas comemorações para dar aos aguedenses a oportunidade de adquirirem um conhecimento mais profundo da astronomia e perceberem qual o seu papel no enriquecimento da pessoa.

Uma agradável proposta que atrai sempre a curiosidade e o interesse de todos.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:30

link do post | comentar | favorito
Domingo, 6 de Setembro de 2009

Parque Urbano da cidade da Mealhada

Câmara Municipal considera bom e adequado o piso da pista pedonal/ciclovia aplicado pelo empreiteiro

A Câmara Municipal da Mealhada decidiu aceitar como bom e ajustado ao fim a que se destina o piso da pista pedonal/ciclovia do Parque Urbano (antigos Viveiros Florestais), aplicado pelo empreiteiro em substituição daquele que constava do caderno de encargos.

A decisão foi tomada na última reunião de Câmara, por maioria (cinco votos a favor e um contra), depois de um estudo encomendado à Universidade de Aveiro/Departamento de Engenharia Civil, ter concluído, com base na análise de amostras colhidas no local (caroteamento), que o piso aplicado pelo construtor não só não perspectiva diferenças de desempenho significativamente diferentes (quando comparado com o piso previsto no caderno de encargos da obra), como  é perfeitamente “adequado” aos objectivos do projecto.

A deliberação, votada favoravelmente pelos eleitos socialistas (presidente da Câmara, Carlos Cabral, e três vereadores) e pelo vereador Gonçalo Breda (eleito pelo PSD, mas, presentemente, sem  a confiança política do partido), teve o voto contra do vereador Carlos Marques, igualmente eleito pelo PSD e, actualmente, sem a confiança política do mesmo partido.

O vereador João Pires (PSD) não participou na deliberação, por se ter ausentado da reunião antes da votação.

Além dos resultados do estudo desenvolvido pelo Departamento de Engenharia Civil da Universidade de Aveiro, a Câmara teve, também, em conta a opinião do autor do projecto, que aprovou a alteração do piso, e o parecer técnico do Instituto de Investigação e Desenvolvimento Tecnológico da Universidade Coimbra (ITecons), que apontou, até, algumas vantagens aos materiais efectivamente utilizados pelo empreiteiro.

Uma vez que a obra está praticamente concluída, a Câmara Municipal prevê que o Parque Urbano possa ser aberto ao público - e colocado à disposição da população - muito em breve.

A data da inauguração será anunciada em tempo oportuno.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:52

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 12 de Agosto de 2009

Noite de Verão com os Astros em Águeda

Dia 26 de Agosto vai ser possível ver a Lua e outros astros no Largo 1º de Maio

Todos nós já nos perguntámos, por exemplo, sobre o que faz a Terra girar, sobre os “mares” da Lua, de onde vêm os cometas, o que são chuvas de estrelas, quantos planetas existem… Uma infinidade de questões!

Para tirar dúvidas e incentivar o conhecimento sobre o Universo, a Câmara Municipal de Águeda, em colaboração com a Associação de Física da Universidade de Aveiro (FISUA) promove mais uma iniciativa – “Astronomia no Verão” -, com o apoio da Ciência Viva – Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica.

No dia 26 de Agosto (quarta-feira), a partir das 22 horas, no Largo 1º de Maio, vai ser possível ver a Lua e outros astros e aprender com as explicações dos astrónomos.

As sessões são gratuitas e abertas ao público. Além da observação ao telescópio, também vai haver uma pequena palestra ao ar livre.

Uma agradável proposta que atrai sempre a curiosidade e o interesse dos mais novos.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:10

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Julho de 2009

“II Torneio de Boccia da Bairrada” nos dias 29 e 30 de Julho

Pavilhão dos Desportos de Anadia recebe iniciativa

O “II Torneio de Boccia da Bairrada” vai realizar-se nos dias 29 e 30 de Julho, amanhã e quinta-feira, no Pavilhão dos Desportos de Anadia, com o objectivo de dinamizar a população com mais de 65 anos.

Este é um projecto apresentado por alunas de Gerontologia da Universidade de Aveiro e apoiado pela Câmara Municipal de Anadia.

Boccia é um desporto adaptado recentemente à terceira idade. Tem como finalidade colocar as bolas de cor (seis azuis contra seis vermelhas) o mais perto possível de uma bola alvo (bola branca), que é lançada estrategicamente por um primeiro jogador, para dentro de um campo. O jogo Boccia é um desporto e uma actividade de recreação que proporciona o enriquecimento dos seus praticantes a nível físico, psicológico e cultural.

O projecto baseia-se numa dinâmica inédita que pretende integrar a população das IPSS e da comunidade não institucionalizada, proporcionando um convívio geracional único e motivador nas nossas terras. 

No final do segundo dia do evento ocorrerá a atribuição de prémios, seguida de um lanche-convívio, oferecendo um momento de descontracção e camaradagem entre todos os presentes.

Estão todos desde já convidados a comparecer no Pavilhão dos Desportos de Anadia, pelas 14horas, para confraternizar durante os dois dias.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:42

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Seminário Internacional “...

Recortes de jornais desde...

Curia Tecnoparque recebe ...

Cerca de 250 pessoas no r...

Miguel Frasquilho em Anad...

Universidade Sénior da Cu...

“Astronomia na Biblioteca...

Parque Urbano da cidade d...

Noite de Verão com os Ast...

“II Torneio de Boccia da ...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds