Domingo, 10 de Janeiro de 2010

Câmara da Mealhada entrou em 2010 sem dívidas a fornecedores e empreiteiros

Contas fechadas com dívida zero pelo quarto ano

A Câmara Municipal da Mealhada fechou as contas de 2009 e entrou em 2010 sem dívidas a fornecedores e/ou empreiteiros.

É a quarta vez consecutiva que a autarquia entra no novo ano civil com uma dívida igual a zero, fruto de grande rigor na previsão e na execução orçamental, que tem permitido que o Município cumpra os seus objectivos programáticos, fazendo obra, sem deixar de satisfazer, atempadamente, os respectivos compromissos.

O mesmo rigor permitiu que o Município tivesse conseguido taxas de execução orçamental médias de 83,45% ao nível da despesa (92,45% nas despesas correntes e 74,18% nas receitas de capital) e de 84% na receita (receitas correntes - 98,81%, receitas de capital -51,65%), com um orçamento que acabou por ultrapassar ligeiramente 19,1 milhões de euros.

Isto, apesar da crise e do arrecadamento de receitas de capital ter sido fortemente prejudicado pelos atrasos na execução do QREN - Quadro de Referência Estratégica Nacional, ao que o Município é alheio.

“É o quarto ano que fechamos as contas – e entramos no novo ano - com dívida zero a fornecedores e empreiteiro. E isso enche-nos de satisfação. Porque conseguimos honrar todos os nossos compromissos sem deixar de fazer uma única obra para poupar dinheiro. Todas as obras foram executadas”, sublinha o presidente da Câmara, Carlos Cabral.

Uma situação confortável que, diz o autarca, “é demonstrativa do grande rigor que colocamos quer na previsão orçamental, quer na sua execução, ao nível da gestão e do acompanhamento da execução do orçamento”.

 

publicado por quiosquedasletras às 09:08

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 22 de Outubro de 2009

Livro sobre a Igreja de Oiã (Oliveira do Bairro) será apresentado dia 28 de Outubro

“Igreja de Oiã no altar da memória” é a mais recente obra de Armor Pires Mota

“Igreja de Oiã no altar da memória”, a mais recente obra de Armor Pires Mota, vai ser apresentada dia 28 de Outubro, quarta-feira, dia de São Simão, Padroeiro da freguesia de Oiã, concelho de Oliveira do Bairro, por D. António Francisco dos Santos, Bispo de Aveiro. A apresentação terá lugar no Centro Paroquial de Oiã, pelas 21 horas.

Trata-se de um completo e rigoroso registo documental sobre a Igreja Matriz, Igreja-Mãe da freguesia de Oiã. O esforço de recolha documental foi ao ponto de o autor ter conseguido reconstituir a listagem dos párocos de Oiã durante três séculos, acompanhada de pequenas biografias.

De acordo com o Padre Mário Ferreira, Pároco de Oiã, “esta é uma obra para nos lembrar o importantíssimo papel que a Igreja, nas terras de Oiã, tem desempenhado na salvaguarda do seu património que, no fundo, também o é de todos nós”.

A obra literária é apenas mais uma contribuição a juntar a uma vastíssima bibliografia que faz de Armor Pires Mota o autor desta terra (e da Bairrada) mais produtivo das últimas décadas e dos seus escritos matéria incontornável para quem queira saber algo da história, da cultura ou do património oianense e concelhio.

“Igreja de Oiã no altar da memória” foi oferecido na sua totalidade à Fábrica da Igreja Paroquial de Oiã pelo autor e a receita das vendas reverterá a favor do Museu Paroquial.

 

O programa

Pelas 20 horas terá lugar a celebração da Eucaristia, presidida por D. António Francisco dos Santos, Bispo de Aveiro.

Uma hora depois, às 21 horas, vai realizar-se a apresentação do livro “Igreja de Oiã no altar da memória”, no Centro Paroquial de Oiã, pelo Bispo D. António Francisco dos Santos (quem prefaciou a obra).

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:48

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Setembro de 2009

Bairrada Solidária Kart GP 2009

Corrida de beneficência acontece dia 13 de Setembro

A Associação Bairrada Solidária está a organizar uma corrida de beneficência, para o dia 13 de Setembro, a ter lugar no Kartódromo de Oiã, em Oiã, Oliveira do Bairro.

O Bairrada Solidária Kart GP é uma competição amigável em formato de corrida de karting de resistência por equipas de oito pessoas, com a duração de quatro horas, cujas receitas terão fins de solidariedade no concelho - através da angariação de fundos para cadeiras de rodas -, que visam continuar a ajudar quem mais necessita, além de servir como alerta social para os valores humanos de solidariedade.

O 1º Bairrada Solidária Cup - Torneio de Golfe - contribuiu para a compra de cadeiras de rodas.

Sendo uma competição open, não é obrigatório equipamento homologado, mas aconselha-se o uso de luvas e calçado desportivo que envolva bem os pés. Apenas o capacete, propriedade do kartódromo, é fornecido pela organização.

As inscrições podem ser feitas contactando o Kartódromo de Oiã - info@kartodromo-oia.co.pt - e incluem corrida e almoço volante.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:10

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Abril de 2009

“Feira das Barraquinhas”

Paróquia de Avelãs de Cima, Anadia, recebe VI edição no domingo

É já no próximo fim-de-semana, no dia 3 de Maio, domingo, que a “Feira das Barraquinhas” da Paróquia de Avelãs de Cima, Anadia, se vai realizar, no Adro junto à Igreja Matriz. Esta será, assim, a VI edição do certame.

A colaboração é geral. Todos os produtos que vão ser vendidos nas barraquinhas são ofertas da população. O pão caseiro, a broa, a doçaria, artesanato, animais vivos, Bric-à-Brac, plantas, charcutaria, produtos tradicionais, vinhos e muito mais.

Claro que não faltará a Tasca, que a partir das 12 horas começará a servir refeições, que vão passar desde o Leitão da Bairrada ao churrasco, rojões, feijoada, serrabulho e muitos outros pratos à moda antiga e a preços em conta. Vai ainda funcionar um bar e frango de churrasco para venda.

No recinto haverá animação com o Grupo Folclórico “O Arrais”.

Conforme confidenciou o Padre Victor, que pela segunda vez está na organização deste evento, é sua convicção de que “tudo está a correr de maneira positiva. Conto com o empenho de toda a população, porque a receita que se obtiver vai ser para restaurar o Altar-mor, que se encontra em avançado estado de degradação”.

Para isso terá de ser contratada uma equipa especializada, o que vai envolver uma verba avultada.

Depois do êxito da anterior “Feira das Barraquinhas”, onde se serviram cerca de 600 refeições e com a maior parte dos produtos vendidos, fica aqui um pedido para que todos compareçam e venham almoçar a este certame, na freguesia de Avelãs de Cima, e levar algo que é caseiro e que é desta terra.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:31

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 22 de Abril de 2009

Reunião de Câmara de Oliveira do Bairro

Aprovados documentos de Prestação de Contas 2008

A última reunião de Câmara do município de Oliveira do Bairro realizou-se no dia 14 de Abril. Foi discutido e aprovado o relatório de gestão de 2008, os documentos de prestação de contas de 2008 e o inventário do ano de 2008. Deixam-se em traços largos os principais pontos dos documentos.

O relatório de gestão tem como objectivo evidenciar a situação económica e financeira do município de Oliveira do Bairro relativa ao exercício de 2008. Este relatório, em conjunto com os restantes documentos de Prestação de Contas, traduz a execução orçamental, patrimonial e económica dos documentos inicialmente aprovados, designadamente os previsionais, que consubstanciam os fundamentos para o desenvolvimento da actividade autárquica.

O ano de 2008 foi decisivo em várias áreas. Foi garantido o apoio de fundos europeus para os oito novos centros escolares. Para um investimento total de 19 milhões de euros, pelo menos sete milhões vão ser apoiados pela União Europeia.

O Instituto de Educação e Cidadania (IEC), na Mamarrosa foi feito exclusivamente com fundos municipais.

A autarquia garantiu a extensão da Universidade de Aveiro no concelho, com o curso de Tecnologia Mecatrónica.

As escolas de Perrães e do Troviscal foram reabilitadas, devolvendo dignidade e imponência a edifícios de época que são diariamente habitados pelos mais jovens.

Foram dados passos administrativos necessários para dar corpo à participação do município na Fundação que criará a Escola Profissional. Este é um projecto de grande ambição e necessidade imperiosa para o concelho de Oliveira do Bairro e para a região da Bairrada.

Foi recuperada a Capela de Vila Verde e a Casa Verde na cidade. A Casa Verde simboliza a capacidade de garantir fundos exclusivamente do governo central para recuperar aquele que é o património concelhio e que ficará na posse de Oliveira do Bairro. Por 24 meses acolhe o Tribunal de Família e Menores.

 

Obra da Alameda

Foi devolvida maior honra à cidade, preparando-se a obra da Alameda, com alargamentos generosos e limpeza de edifícios em estado avançado de ruína e abandono.

Foi deliberada a participação do município no capital social da Sociedade POLIS da Ria, com vista à reabilitação e melhor conservação das zonas ribeirinhas, muito importantes do ponto de vista paisagístico e com grandes recursos de fauna e flora.

A recuperação e sinalização das vias também foram uma prioridade. Exemplo disso é a Estrada Municipal 600 (Silveiro, Giesta, Perrães e Rêgo); a Rua Nª Sra. dos Aflitos, em Oliveira do Bairro; a rotunda nascente e poente das entradas pela variante em Oliveira do Bairro; a Travessa Padre Abel, em Oiã; a Rua do Marmeleirinho, em Perrães e Rêgo; a Rua dos Ciprestes, em Águas Boas; marcações horizontais em Malhapão, entre outras.

Foi efectuada a requalificação de algumas zonas industriais, dotando-as de funcionalidade através das infra-estruturas ordenadas capazes de responder às exigências de mobilidade, fácil acesso e limpeza.

 

Novo Palácio da Justiça

Quanto a parcerias estabelecidas com entidades do poder local ou central, destaca-se a que foi desenvolvida com a Junta de Freguesia de Oiã para a edificação da sede da Junta, auditório e biblioteca da freguesia, e a estabelecida com o Ministério da Justiça, relativa ao novo Palácio da Justiça de Oliveira do Bairro (concurso lançado em Diário da República em 10 de Março de 2009).

Em 2008 foram criadas as condições para assentar o futuro em bases sólidas. Nesse sentido, a despesa foi ajustada a uma estimativa realista da receita, reduzindo a despesa face ao aumento da actividade; o orçamento foi executado com rigor; foi garantido um saldo estrutural que permite um aumento do investimento; foram concluídos diversos instrumentos regulamentares essenciais à disciplina da actividade municipal, e foram adoptadas as medidas necessárias para resolver alguns impasses urbanísticos que prejudicam o desenvolvimento da cidade.

O ano de 2008 foi o ano que este Executivo lançou no terreno várias obras e em que garantiu condições financeiras para outras. Assim, foi projectado o futuro do concelho, garantindo que 2009 vai assistir à finalização e ao lançamento de várias outras obras cujos alicerces foram garantidos em 2008.

 

Protocolo entre autarquia e Atómicos

Nesta reunião também foi celebrado um protocolo entre o município de Oliveira do Bairro e a Associação Atómicos Sport Clube. Este protocolo é realizado nos termos do Plano Plurianual de Investimentos e no Plano de Actividades Municipal e tem como objecto uma comparticipação financeira de 80 mil euros para remodelação da sede social. Este protocolo foi aprovado por unanimidade.

Foi ainda aprovado um pedido de apoio económico para a candidatura ao Programa Operacional Potencial Humano do QREN, para efeitos de construção de lar de idosos e alargamento do centro de dia e apoio domiciliário da IPSS Centro de Ambiente Para Todos.

O valor de comparticipação do município será de 159.712 euros.

No âmbito da descentralização das reuniões de Câmara dos Paços do Concelho, foi aprovado que a próxima reunião de Câmara será no dia 30 de Abril, na sede da Junta de Freguesia da Mamarrosa, ou noutro local a indicar pela Junta de Freguesia (IEC).

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:36

link do post | comentar | favorito
Sábado, 11 de Abril de 2009

José Oliveira deixa o apelo: “Seja responsável! Questione o seu estado vacinal”

Anadia é um dos concelhos melhor vacinados do distrito de Aveiro

O concelho de Anadia é o segundo com melhor cobertura vacinal no distrito de Aveiro, com uma percentagem que chega aos 80%, de toda a população. Ainda assim, há freguesias onde este índice se situa acima dos 90%, como são exemplos duas freguesias do concelho: Ancas (93,19%) e Aguim (92,15%).

Para José Oliveira, enfermeiro na Extensão de Saúde de Aguim e responsável concelhio pela vacinação, visto que integra a Coordenação Distrital, estes números devem-se ao “trabalho das equipas de saúde. A vacinação é um trabalho onde os enfermeiros assumem a liderança. No entanto não se pode desprezar o trabalho de nenhum outro funcionário, sendo precioso o incentivo feito pelos médicos aos próprios utentes” e a “colaboração do pessoal administrativo, a quem o programa informático fornece o alerta de falta de vacinação a cada contacto de utente não vacinado”. 

 

O Programa Nacional de Vacinação (PNV)

A vacinação, “só por si, permite evitar mais mortes e doenças do que qualquer tratamento médico”. É desta forma simples e resumida que José Oliveira tenta mostrar a verdadeira importância das vacinas, que representam “a saúde na sua vertente preventiva, visto terem a capacidade de proporcionar a prevenção das doenças infecciosas”.

O Programa Nacional de Vacinação (PNV) é um programa universal, gratuito e acessível a todas as pessoas presentes em Portugal. Apresenta um esquema de vacinação recomendado que constitui uma “receita universal”.

Nos anos seguintes à entrada em vigor do PNV, em 1965, verificou-se uma notável redução da morbilidade e da mortalidade pelas doenças infecciosas alvo de vacinação.

O novo PNV entrou em vigor em Janeiro de 2006, vindo assim substituir o de 2000.

O PNV de 2006 inclui as vacinas contra a tuberculose, a hepatite B, a difteria, o tétano, a tosse convulsa, a poliomielite, a doença invasiva por “Haemophilus influenzae do serotipo b”, o sarampo, a parotidite epidémica (ou papeira), a rubéola e a doença invasiva por “meningococos do tipo C” e a introdução de uma nova vacina contra o papiloma vírus humano.

“Em 2005, e após uma apurada auditoria a todo o Serviço Nacional de Saúde, a Organização Mundial de Saúde (OMS) considerou o nosso PNV o melhor do mundo, por ser o melhor implementado e mais abrangente, face às doenças existentes e às vacinas que as evitam e ainda o melhor rastreado”, afirmou José Oliveira, com orgulho.

 

Como funcionam as vacinas?

As vacinas são produtos químicos/biológicos que, “uma vez introduzidos no organismo, induzem, no sistema imunitário, a capacidade de reconhecerem os agentes causadores de doença infecciosa, de os combaterem ou de impedir a sua progressão”, explicou José Oliveira.

De uma forma mais figurativa, “as vacinas funcionam como imagens dos agentes de doença, fornecidos à memória imunitária. Esta, uma vez alertada para a existência desses agentes perniciosos, será capaz de emitir respostas adequadas ao combate e ao impedimento da instalação da doença”, referiu.

O esquema de vacinação recomendado tem como objectivo obter a melhor protecção, na idade mais adequada e o mais precocemente possível. As vacinas iniciam logo ao nascimento, com a administração das vacinas BCG (tuberculose) e hepatite B, estando incluídas vacinas para mais 10 doenças graves.

No que diz respeito a todas estas vacinas, existe uma cobertura até aos 18 anos de idade. Estas 12 vacinas são todas gratuitas. Após os 18 anos, o calendário apenas inclui a vacina anti-tetânica e a vacina contra a hepatite B para grupos de risco.

“Até aos 18 anos, no nosso concelho, com estas vacinas a cobertura é acima dos 95%, o que permite assegurarmo-nos da existência da imunidade de grupo”, adiantou José Oliveira. Ou seja, “o facto de uma larga percentagem da população estar vacinada funciona como protecção da população não vacinada, num fenómeno epidemiológico que toma este nome”.

 

A vacina anti-tetânica

Este facto só não se verifica com a doença tetânica: “Só está protegida toda a população se todos estiverem vacinados. A doença adquire-se através do contacto com fezes, terra, objectos sujos, mordeduras de animais, picadas de insecto, queimaduras e feridas”, explicou o enfermeiro.

“Cada morte que ocorre por doença tetânica é um fracasso da razão, é um fracasso da humanidade. A doença é absolutamente evitável pela vacinação”, afirmou José Oliveira, que defende que a cobertura da vacina deveria ser de 100%. Contudo, actualmente, as taxas de cobertura vacinal, no distrito de Aveiro, rondam os 70%, “facto que muito nos preocupa”, referiu.

As pessoas estão protegidas depois de efectuarem três doses. (Foto: Davide Silva)

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:28

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 9 de Abril de 2009

Prestação de Contas 2008

Taxas de execução são as mais elevadas dos últimos anos na Mealhada

Os documentos de Prestação de Contas do ano 2008 apresentam as mais elevadas taxas de execução, quer ao nível das receitas, quer ao nível das despesas dos últimos anos. A execução orçamental do ano 2008 foi de 91,35% ao nível das receitas e de 93,71% ao nível das despesas. “Estas taxas de execução que conseguimos alcançar são elevadíssimas e para além disso voltámos a transitar de ano sem qualquer dívida a fornecedores e empreiteiros”, afirmou o presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Carlos Cabral.

Nada melhor do que os números para provar o rigor do orçamento apresentado e aprovado e a capacidade da sua execução com o total de receitas efectivamente arrecadado. Os documentos de Prestação de Contas do ano 2008 revelam as taxas de execução orçamental mais altas dos últimos anos: 91,35% ao nível das receitas, sendo que 99,45% diz respeito às receitas correntes e 60,55% às receitas de capital, e 93,71% ao nível das despesas, correspondendo 92,10% às despesas correntes e 94,96% às despesas de capital. “São taxas elevadíssimas, que dificilmente são ultrapassáveis por qualquer outro concelho do país”, referiu Carlos Cabral.

Com os documentos de Prestação de Contas do ano 2008 conclui-se, assim, que foram cumpridas todas as propostas constantes no Orçamento e Opções do Plano para 2008 e alicerçadas as estratégias de desenvolvimento do concelho no contexto regional e nacional. “Os números são importantes, e aqui mostram o nosso elevado grau de execução orçamental. Mas mais importantes são as acções e os resultados”, argumentou o presidente da Câmara, alegando que “o que foi apresentado para 2008 foi realizado”.

As elevadas taxas de execução obtidas, quer a nível das receitas, mas sobretudo a nível das despesas, “mostram, uma vez mais, o rigor e a fiabilidade com que foram elaborados os documentos previsionais”, refere o autarca. “Importa ainda enfatizar o desempenho alcançado ao nível das despesas de capital, que registaram um grau de execução de 94,96%, não deixando dúvidas quanto à efectiva capacidade de realização da autarquia e ao empenho na concretização de obras de investimento durante a gerência em análise”, acrescentou Carlos Cabral.

O presidente da Câmara Municipal da Mealhada salientou, ainda, que a autarquia apostou em todas as áreas de intervenção, reforçando a qualidade das respostas a toda a população. Da economia à educação, passando pela cultura, desporto, acção social e turismo, tudo foi tido em conta numa dinâmica de preparação do concelho para um novo nível de desafios e oportunidades, garantiu ainda Carlos Cabral, reforçando que este Executivo Municipal dotou o concelho de capacidade e as pessoas de competências necessárias para uma resposta eficaz, eficiente e efectiva aos novos desafios do futuro.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:13

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Janeiro de 2009

Guia para pais de bebés, crianças e adolescentes

Sapo lança canal SAPO Família – Guia de Pais

O portal Sapo lançou no passado dia 23 de Janeiro o canal Família – Guia de Pais (http://familia.sapo.pt), uma reformulação do canal Bebé, que liderou, nos últimos 13 anos, a informação sobre bebés e crianças na Internet em Portugal. Com esta nova aposta são, também, preenchidas as necessidades de informação, cada vez maiores, sobre esta temática na Internet.

Posicionando-se como um canal mais abrangente, o SAPO Família pretende acompanhar os pais na educação dos seus filhos, desde o planeamento da gravidez até à adolescência.

No novo site são disponibilizados conteúdos sobre o planeamento da gravidez, fases da gestação, primeiros dias, etapas de desenvolvimento das crianças, saúde e segurança, educação e relacionamento com os filhos, sexualidade, testes e receitas.

 

“Stageletter”: serviço inovador em Portugal

Estará igualmente disponível um serviço inovador em Portugal: a “stageletter”. Trata-se de um serviço de e-mail que informa a grávida sobre o que se está a passar com ela e com o seu bebé no decorrer de todas as semanas de gestação. Cada “stageletter” descreve o crescimento do feto nessa semana, ilustra o seu tamanho e aspecto e explica o que está a mudar na vida da grávida nesse período. Este serviço estende-se semanalmente até ao primeiro ano de vida do bebé, nos vários aspectos do seu desenvolvimento.

As parcerias com publicações líderes neste segmento, permitem aos utilizadores do SAPO Família encontrar on-line os melhores artigos das revistas “Pais & Filhos”, “Bebé Saúde”, “Mãe Ideal”, “Coisas de Criança”, “Mamã, Papá & Eu” e “Saber Viver”. Estão, igualmente, disponíveis conteúdos em português do “Baby Center”, o site referência a nível mundial de informação sobre gravidez e crianças, produzido da “Johnson’s Baby”.

No SAPO Família poderá ainda aconselhar-se gratuitamente em consultórios de especialistas, nomeadamente da “Let’s Grow”, especialistas em educação e pedagogia, e de João Alexandre Rodrigues, técnico de aconselhamento em comportamentos aditivos.

 

Sobre o Sapo

O portal Sapo é líder de audiências em Portugal, com 900 mil utilizadores diários, 15 milhões de “pageviews” por dia e 500 milhões de “pageviews” por mês, agregando horizontalmente uma vasta gama de conteúdos em diversos canais e um conjunto de serviços como: Pesquisa, Vídeos, Sapo Messenger, E-mail, Classificados e Notícias.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:46

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 9 de Abril de 2008

Receita vai reverter a favor das obras da Igreja Matriz da Paróquia de Avelãs de Cima

“Feira das Barraquinhas” na Paróquia de Avelãs de Cima

É já neste fim-de-semana, no dia 13 de Abril, domingo, que a “Feira das Barraquinhas” da Paróquia de Avelãs de Cima, Anadia, se vai realizar, no Adro junto à Igreja Matriz.

A colaboração é geral. Todos os produtos que vão ser vendidos nas barraquinhas são ofertas da população. Não vai deixar de haver pão caseiro, broa, doçaria, artesanato, animais vivos, Bri-à-Brac, plantas, charcutaria, produtos tradicionais, vinhos e muito mais. Claro que as barracas de comes e bebes, onde este ano o Grupo Artístico Raízes Verde Pinho vai estar presente com “A Tasca do Pombo”, não vão faltar. É lá que vão ser servidas refeições - leitão, churrasco, rojões, porco no espeto e sopas. Tudo isto coadjuvado com as respectivas mordomias da Igreja.

No recinto haverá animação com o Grupo Etnográfico “Gente À Nossa Terra”, de Belazaima do Chão (Águeda) e um duo de concertinas que percorrerá todas as barraquinhas.

Conforme confidenciou o Padre Victor, que pela primeira vez está na organização do evento, “penso que tudo está a correr pela positiva, porque vejo um grande dinamismo e empenho em toda a população”.

A receita que se obtiver com o certame vai ser para as obras da Igreja Matriz de Avelãs de Cima, que foi alvo de uma grande remodelação, mas ainda não concluída, faltando o arranjo dos cinco altares, que terá de ser feito por uma equipa especializada, envolvendo uma grande verba.

Fica aqui um pedido, para que todos compareçam e venham almoçar à “Feira das Barraquinhas” de Avelãs de Cima e levar para casa algo que é caseiro e que é desta terra.

publicado por quiosquedasletras às 09:09

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2007

Doces Tradicionais de Natal

Receita de Rabanadas ou Fatias Douradas

E porque estamos na altura do Natal, já quase em contagem decrescente, e nesta época se fazem doces tradicionais, o Quiosque das Letras publica algumas das receitas daqueles doces que não podem faltar na mesa de quem vive no distrito de Aveiro.

 

Rabandas, também conhecidas por Fatias Douradas

 

Na Região da Bairrada e um pouco por todo o distrito de Aveiro, o nome deste doce tradicional de Natal é “Rabanadas”. Mais para sul o doce toma o nome de “Fatias Douradas”. Para quem ainda não provou, e para abrir o apetite aos mais gulosos, aqui fica a receita deste pequeno “manjar dos Deuses”.

 

Ingredientes:

 Pão (cacete)

 Leite

 Ovos

 Óleo para fritar

 Açúcar

 Canela

 Casca de limão

• Pau de canela

 

Procedimento:

Coloca-se o leite a ferver com a casca de limão e o pau de canela, para dar sabor. Corta-se o pão em fatias com espessura aproximada a 1,5 centímetros. Põe-se uma frigideira ao lume e leva-se o óleo à fervura. De seguida batem-se bem os ovos, inteiros, de forma a que a clara fique imperceptível. Mergulhar bem as fatias do pão no leite quente, até que fiquem bem encharcadas, e depois no ovo. Leva-se a fritar. Após as fatias estarem fritas, escorrem-se sobre papel absorvente. No final, passam-se por uma mistura previamente preparada de açúcar e canela.

 

Alternativa ao açúcar e canela: Há pessoas que preferem preparar uma calda de açúcar, em vez de utilizar a mistura de açúcar e canela, para regar as rabanadas. Acabam por ficar mais suculentas.

publicado por quiosquedasletras às 09:52

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Câmara da Mealhada entrou...

Livro sobre a Igreja de O...

Bairrada Solidária Kart G...

“Feira das Barraquinhas”

Reunião de Câmara de Oliv...

José Oliveira deixa o ape...

Prestação de Contas 2008

Guia para pais de bebés, ...

Receita vai reverter a fa...

Doces Tradicionais de Nat...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds