Quinta-feira, 20 de Novembro de 2008

Concerto de tributo ao escritor Manuel Alegre

“Alma – Cantata Profana” promete encher Cine-Teatro São Pedro em Águeda

Manuel Alegre é um filho de Águeda, que imortalizou a terra que o viu nascer no livro “Alma”. Tendo esta obra como pano de fundo, a Câmara Municipal e a Banda Marcial de Fermentelos vão realizar um concerto de tributo intitulado “Alma - Cantata Profana”, da autoria de Luís Cardoso e inspirado na obra “Alma”, de Manuel Alegre, relato íntimo da Águeda da sua infância.

O espectáculo está agendado para os dias 22 e 23 de Novembro, no Cine-Teatro São Pedro. No primeiro dia, que vai contar com a presença do escritor, a autarquia procede, às 21 horas, à entrega do Prémio Manuel Alegre, seguindo-se o concerto. De recordar que o Prémio Manuel Alegre surgiu com o objectivo de homenagear a obra deste escritor aguedense, para além de promover a escrita em língua portuguesa e o aparecimento de novos autores.

No segundo dia, o espectáculo “Alma - Cantata Profana” volta a subir ao palco, pelas 16 horas, com a promessa de voltar a encantar e a prender a atenção de todos.

O concerto conta com a participação da Banda Marcial de Fermentelos, sob a direcção do maestro Carlos Marques. A “mezzo-soprano” Margarida Reis, também natural do concelho de Águeda, vai encher a sala com a sua voz.

De destacar que esta é uma produção que conta com a participação em palco, ao lado da Banda Marcial de Fermentelos e de Margarida Reis, de todos os grupos corais do concelho de Águeda: Associação Coral Polifónico “Cantate Jubilo”; Coro Misto da Cruz Vermelha Portuguesa de Águeda; Coro Misto do Orfeão de Águeda; Grupo Coral “O Espranjar” da Associação Cultural e Recreativa Banda Nova de Fermentelos; Orfeão de Barrô; Orfeão da ARCEL; Orfeão da Associação Cultural de Recardães e o Orfeão do Paraíso Social. São 450 pessoas em palco.

A expectativa criada pelo espectáculo já se faz sentir, até porque nunca se tinham juntado em palco todos os grupos corais do concelho. A grandeza do espectáculo, se já estava assegurada pelo esmero do trabalho em torno da obra de Manuel Alegre, certamente não deixará goradas as mais elevadas esperanças num concerto de qualidade e a recordar.

A autarquia convida todos os aguedenses, bem como todos os que admiram este autor, a assistirem a este espectáculo de tributo ao maior vulto da literatura portuguesa que Águeda viu nascer.

 

IMPORTANTE: Os espectáculos são gratuitos. Todavia os interessados(as) devem levantar o convite na Biblioteca Municipal, entre as 9 e as 19 horas, sem interrupções.

 

Manuel Alegre

A sua obra representa um património da mais elevada importância para a cultura e que orgulha todos os aguedenses. Esta relevância não se manifesta apenas por Manuel Alegre ser natural do concelho, mas também porque Águeda sempre foi uma inspiração para as obras do autor.

O poeta que se intitula como um homem de paixões. E que, curiosamente, não acredita na literatura, mas sim na poesia. Segundo o autor, a poesia é “como ritmo, como música interior, canto e encanto, exorcismo, uma forma de relação mágica com um mundo”. Manuel Alegre vê a poesia como uma experiência mágica, como algo que está aquém e além da literatura. O homem que reconhece o seu desinteresse, principalmente, pelos bens materiais, mas que se prende às suas armas (canetas, livros, discos), aos espaços, a certas cidades, aos lugares (como ao Largo do Botaréu) ou à casa que o viu nascer, em Águeda.


Acerca do livro “Alma” de Manuel Alegre

As memórias de infância. Os cheiros, as vozes, as emoções de um tempo em que o tempo não tem fim e o significado está presente nas mais pequenas coisas. Todas elas ficam sempre, como marcas na alma, princípios que norteiam a vida. A nostalgia dos lugares mágicos da infância. De “Alma”, vila encantada onde convive tradição e subversão, melancolia e audácia, crendices, ideologia e futebol... Pela voz audaciosa de quem não receia dar-se a conhecer, chegam-nos ecos de um Portugal dividido entre a República e a Monarquia, um país que era, à época, o mundo de uma criança expectante e atenta. De “Alma”, de Águeda partiu toda a sua vida.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:14

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 24 de Outubro de 2007

Adjudicada a Requalificação do Largo 1º de Maio/Botaréu

Remodelação do espaço visa devolver o Rio Águeda à cidade

O presidente da Câmara Municipal de Águeda, Gil Nadais, assinou hoje, dia 24 de Outubro, o contrato de empreitada com a empresa que irá realizar os trabalhos de requalificação do Largo 1º de Maio/Botaréu.

O contrato assinado entre a Câmara Municipal de Águeda e o consórcio designado por Joaquim Fernandes Marques & Filho, Lda/Francisco dos Santos Paula & Filho, Lda, no valor de 486.046,40 euros, a que se acrescenta o IVA, prevê a construção de muro de suporte no Largo 1º de Maio, assim como a requalificação de todo aquele espaço público.

A remodelação deste espaço – a partir de um novo conceito de fruição e proximidade com o rio – permitirá devolvê-lo à cidade, com mais segurança e com mais e melhores meios para todos os que buscam espaços de recreio de qualidade para os seus tempos livres.

A reconstrução do muro do rio e a requalificação do Largo 1º de Maio/Botaréu são condição para modernizar este espaço, surgindo como pólo de atracção de visitantes e de criação de elos entre a cidade de Águeda e o seu rio. A criação de zonas de sombra e infra-estruturas que levem mais pessoas a usufruírem daquela área da cidade irá criar um espaço único e cativador.

publicado por quiosquedasletras às 11:54

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Concerto de tributo ao es...

Adjudicada a Requalificaç...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds