Segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

Promoção da leitura na Biblioteca Municipal de Anadia

Fomentar hábitos de leitura e elevar os níveis de literacia no concelho são objectivos

No passado dia 26, a Biblioteca Municipal de Anadia levou a cabo mais uma acção de promoção do livro e da leitura designada “Com o dedo na página”, realizada pela psicóloga e psicoterapeuta Inês Pupo.

A acção resulta de uma parceria estabelecida entre a Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas e a Câmara Municipal de Anadia, e surge no âmbito de um projecto de promoção da leitura que tenta ir ao encontro das preocupações dos educadores do município no que a esta área diz respeito.

A acção de formação, de carácter essencialmente prático, abordou vários temas, tais como as fases do desenvolvimento da criança e a leitura; o papel dos adultos promotores de leitura em cada fase; o que fazer e o que evitar; selecção de livros adequados a cada idade; apresentação de livros para suscitar o interesse pela leitura; leitura com crianças e jovens e actividades relacionadas com a leitura.

Os participantes abordaram a relação entre as várias fases do desenvolvimento e a leitura, como base para seleccionar os livros mais adequados a cada idade; trabalharam em grupo os truques para melhor apresentar os livros escolhidos e as actividades relacionadas com a leitura para as várias idades e, por fim, falaram da promoção da liberdade na escolha das leituras, como principal estratégia para associar a leitura ao prazer de ler.

Pretendeu-se proporcionar formação que permita aos educadores ampliarem as suas competências na área da promoção da leitura entre crianças, pré-adolescentes e adolescentes, em articulação com os objectivos do Plano Nacional de Leitura.

No mês de Novembro, a Biblioteca receberá uma nova acção de formação, “Eu leio, tu lês, ele lê”, realizada por Marta Martins, subordinada à mesma temática, com o intuito de enlear toda a comunidade educativa num projecto social comum: a promoção de hábitos de leitura e elevação dos níveis de literacia no concelho.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:30

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 3 de Setembro de 2009

“Artes da Arte” na Casa Municipal da Juventude de Aveiro

Workshops, concertos e outras actividades durante este mês

Vão realizar-se este mês actividades relacionadas com o projecto “Artes da Arte” da Casa Municipal da Juventude de Aveiro. Promovidas pela Câmara com o apoio de diversas instituições, as acções do projecto “Artes da Arte” que se vão desenvolver terão como tema principal a Música.

Assim, decorrerá a Oficina de Musicoterapia nos dias 12, 19 e 26 de Setembro, das 14.30 às 18.30 horas, na Casa Municipal da Juventude de Aveiro. Sob orientação de Márcia Vasconcelos, a formação vai promover o conhecimento da prática da musicoterapia junto dos técnicos de diversas áreas, bem como a reflexão, o debate e a partilha de experiências vivenciais facilitadoras do desenvolvimento pessoal e profissional dos formandos. As inscrições podem ser feitas até amanhã, dia 4 de Setembro, na Casa da Juventude, e têm o valor unitário de 30 euros.

Os “N.A.D (New Age Deliquents)” vão actuar na Praça do Peixe no dia 12 de Setembro, pelas 22.30 horas. Esta é uma banda de Hip Hop/Rock Alternativo em português constituída por dois MC’s, um guitarrista, um baixista e um DJ. Com um bom percurso musical, o grupo tem participado em concertos da MTV, da Red Bull e no Flowfest, o melhor festival de Hip Hop português.

No dia 17 de Setembro realizar-se-á o Workshop de Iniciação à Guitarra, das 17 às 18.30 horas. O formador será ZéTó Rodrigues, da Oficina de Música de Aveiro. Logo de seguida, pelas 18.30 horas, haverá um concerto resultante desta formação. Ambas as actividades acontecerão na Casa Municipal da Juventude de Aveiro.

Neste projecto, também a Percussão será uma área abordada através da organização do Workshop de Percussão, no dia 19 de Setembro, das 10 às 13 horas e das 14.30 às 17.30 horas, no Pequeno Auditório do Centro Cultural e de Congressos de Aveiro. Proporcionar a abordagem à percussão, bateria, beatbox e ritmo utilizando os instrumentos de percussão mais comuns - como o djembé e a bateria -, são os pressupostos desta formação que se destina a todos os amantes do ritmo e da música. O workshop estará a cargo de Bruno Estima e tem o custo de 12.50 euros. As inscrições podem ser efectuadas até 11 de Setembro, na Casa da Juventude.

Por último, a Casa Municipal da Juventude de Aveiro vai apresentar as seis bandas seleccionadas do “Concurso de Bandas de Aveiro 2009” no dia 26 de Setembro, a partir das 19 horas, no Centro Cultural e de Congressos de Aveiro.

Organizado pela Câmara Municipal de Aveiro, o “Concurso de Bandas de Aveiro 2009” pretende promover a participação de bandas e/ou grupos musicais portugueses, divulgando os novos produtos musicais, bem como o reconhecimento pelo público de novos talentos.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 10:04

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 14 de Agosto de 2009

Câmara da Mealhada dá apoio ao empreendedorismo das mulheres

Candidaturas abertas até ao dia 24 de Agosto

O Gabinete de Inserção Profissional da Câmara Municipal da Mealhada tem abertas, até 24 de Agosto, as candidaturas para a acção “Apoio ao Empreendedorismo, Associativismo e Criação de Redes Empresarias de Actividades Económicas geridas por mulheres” - Tipologia nº 7.6, Eixo nº 7, “Igualdade de Género”, do Programa Operacional Potencial Humano (POPH).

O objectivo da intervenção é promover estratégias de apoio ao empreendedorismo das mulheres, incentivar o associativismo e a criação de redes, favorecendo o auto-emprego e a sua capacidade de participação na vida activa.

São elegíveis acções de formação nos domínios da igualdade de género, da gestão, das relações interpessoais, da liderança e das tecnologias de informação e comunicação, acções de tutorial/consultoria com vista ao desenvolvimento de um plano de negócios e atribuição de um prémio de arranque para as empresas e acções de suporte à criação de redes inter-empresas que facilitem o acesso à informação e divulgação, preferencialmente por via electrónica, sobre formação, mercados, oportunidades de financiamento e negócio, bem como outras matérias relevantes.

Os destinatários destas acções são as mulheres que pretendam criar o próprio posto de trabalho, independentemente da sua situação face ao emprego, e as entidades beneficiárias/promotoras, associações de mulheres empresárias, associações empresarias, comercias e/ou industriais, agências e sociedades de desenvolvimento regional sem fins lucrativos, cooperativas e outras entidades de economia social, desde que desenvolvam projectos relacionados com as respectivas áreas de actividade.

A taxa de financiamento é de 100% para as entidades promotoras.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:37

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 29 de Março de 2009

Encerramento da 3ª Universidade da Europa na Curia (Anadia)

Manuela Ferreira Leite acusa Governo de “incompetência”

Manuela Ferreira Leite, líder do PSD, veio à Curia acusar o Governo socialista de não ter sabido aproveitar os recursos e a solidariedade europeia “por incompetência”. A social-democrata falava durante o encerramento da terceira edição da Universidade da Europa da JSD, no dia 22, que se voltou a realizar na Curia, freguesia de Tamengos, concelho de Anadia, na sequência de uma candidatura apresentada pela JSD de Anadia.

Mas a presidente do PSD disse mais, referindo que essa incapacidade do Governo se revelou em todos os sectores, mas particularmente na agricultura: “Milhares de agricultores, de Norte a Sul de Portugal, viram-se privados de recursos a que tinham direito”, afirmou.

Ferreira Leite felicitou ainda os alunos desta terceira Universidade da Europa e a equipa liderada pelo deputado europeu Carlos Coelho, mentor da iniciativa.

“A presença dos alunos e a sua qualidade mostram bem o interesse que desperta a questão europeia. A Europa é a nossa casa. É lá que têm de ser elevados os patamares da qualidade de vida”, disse.

Pedro Rodrigues, presidente da JSD, também presente no encerramento da iniciativa, não deixou de lembrar que aquela é a única formação política em Portugal sobre a Europa.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:44

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 26 de Março de 2009

Biblioteca Municipal da Mealhada

Acção de formação “Animação, Biblioteca, Co-leitura: o ABC do mediador” nos dias 6 e 7 de Abril

A Biblioteca Municipal da Mealhada vai ser palco, nos dias 6 e 7 de Abril, de uma acção de formação intitulada “Animação, Biblioteca, Co-leitura: o ABC do mediador”, dinamizada pela formadora Sylviane Rigolet.

Esta é uma iniciativa destinada a mediadores de leitura, educadores de infância, professores, psicólogos, terapeutas da fala, bibliotecários e técnicos de biblioteca.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:38

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 20 de Março de 2009

Curia (Anadia) volta a receber Universidade da Europa

Manuela Ferreira Leite encerra 3ª edição

Hoje, dia 20 de Março, amanhã e domingo vai realizar-se a 3ª edição da Universidade da Europa, no Grande Hotel da Curia, situado na estância termal da Curia, freguesia de Tamengos, Anadia.

A Universidade da Europa, promovida conjuntamente pelo PSD, pela JSD, pelo Instituto Sá Carneiro e pelo PPE é um evento que conta com a presença de 60 jovens, de elevado potencial, e um naipe de formadores e oradores de grande qualidade, que durante três dias vivem uma jornada de estudos intensivos sobre assuntos relacionados com a Europa e com o Mundo.

Para mais informações: http://www.psdeuropa.org/univeuropa/. 

 

Programa da 3ª edição

20 de Março (Sexta-feira):

19 horas – Recepção aos participantes
20 horas – Jantar/Abertura com filme sobre a Europa

                Deputado Europeu Carlos Coelho

                Pedro Rodrigues (Presidente da JSD)

22 horas – “Crise Financeira – O que a União Europeia (UE) pode fazer?”

                 Professor Doutor Vitor Gaspar (Director do Bureau of European Policy Advisers)

 

21 de Março (Sábado):

10 horas – “Quem paga a UE?”

                 Eurodeputado José Silva Peneda

12.30 horas – Almoço/Debate - “A UE pode/deve ter uma PESC?”

                     Deputado Europeu Ignacio Salafranca (Coordenador do PPE na Comissão dos Assuntos Europeus)

15 horas – “Ambiente e Energia: há uma liderança Europeia?”

                 Engenheiro Jorge Moreira da Silva (ex-Deputado Europeu)

18 horas – “Como funciona a UE?”

                 Deputado Europeu Carlos Coelho

                 Deputado Europeu Duarte Freitas

20.30 horas – Jantar/Debate - “A UE está de Boa Saúde?”

                     Teresa Sousa (Presidente da Associação Portuguesa de Jornalistas Europeus)

 

22 de Março (Domingo):

10 horas – “Como combater a abstenção nas eleições Europeias”

                 Deputado Europeu Carlos Coelho

                 Duarte Marques (Vice-Presidente da JSD)

12.30 horas – Almoço/Debate - “Balanço de Mandato – 5 Anos ao Serviço de Portugal”

                     Deputado Europeu João de Deus Pinheiro (Vice-Presidente do
PPE-DE)

15.30 horas – Encerramento

                     Manuela Ferreira Leite (Presidente do PSD)

 

 

publicado por quiosquedasletras às 10:22

link do post | comentar | favorito
Domingo, 1 de Fevereiro de 2009

Museu da Cidade de Aveiro

Programa de formação para 2009

A Câmara Municipal de Aveiro deu a conhecer o programa de formação do Museu da Cidade de Aveiro para todo o ano de 2009.

Com os objectivos de mostrar o património cultural e natural da região de Aveiro, incentivar a participação activa da comunidade nas acções de valorização desse mesmo património, despertar consciências para a salvaguarda e valorização patrimonial, desenvolver acções de saber-fazer sobre bens patrimoniais, fidelizar públicos e captar novos segmentos, diversificando a oferta cultural, o Museu da Cidade de Aveiro organiza um programa de formação que integra várias actividades a decorrer durante todo o ano.

 

“Aveirenses Ilustres”

Até 18 de Maio decorre o segundo Ciclo de Conferências “Aveirenses Ilustres” onde se evoca um conjunto de personalidades que, com a sua acção, contribuíram para o desenvolvimento local e para a valorização da própria comunidade. Neste grupo inscrevem-se tanto aqueles que dedicaram a sua vida ao melhoramento socioeconómico e cultural da cidade e da região, como os que, pela sua excelência e impacto do seu trabalho e das suas convicções e ideais projectaram Aveiro ao nível nacional e internacional. De quinze em quinze dias, o Museu da Cidade presta homenagem a um aveirense ilustre.

 

“Aveiro: Os Meandros do Património”

De 7 de Fevereiro a 14 de Março realiza-se a acção de formação “Aveiro: Os Meandros do Património”, aos sábados, das 9 às 17.30 horas, no Museu da Cidade. Nesta actividade serão abordados vários assuntos, entre os quais, identificar as fontes documentais de museus, arquivos e bibliotecas, compreender e interpretar o seu conteúdo e conhecer os procedimentos essenciais para o seu acesso e manuseamento.

 

“Percursos com História”

“Percursos com História” consiste em percursos temáticos orientados por especialistas em História, Urbanismo e Arquitectura, explorando-se a percepção da comunidade numa perspectiva dinâmica e evolutiva como forma privilegiada de compreender a construção da paisagem histórica de Aveiro. Esta iniciativa dá vida ao conceito de museu polinucleado, que tem na cidade continuidade do próprio espólio museológico do Museu da Cidade de Aveiro. Ocorrerá aos sábados, de 14 de Fevereiro a 14 de Novembro, das 11 às 13.00 horas.

 

Outras actividades

Além destas acções, o Museu da Cidade irá promover o fórum “Que futuro para a Linha do Vale do Vouga” em Maio; o seminário “Comemorar” em Junho; o curso de Verão “Verão com o Museu da Cidade de Aveiro” de 13 a 17 de Julho; curso de formação “Introdução de Museologia” a 15 de Outubro; workshop “A Ciência da Arte Nova” no dia 10 de Novembro; workshop “Introdução à genealogia e Heráldica” e cursos livres de Agostinho da Silva “Património Histórico-Cultural de Aveiro”, ambos com datas a definir.

O Museu da Cidade tem a missão educativa/formativa como uma das suas valências estruturais. Formação entendida na perspectiva do conhecimento e de divulgação de cultura como veículos de valorização e salvaguarda patrimonial e direccionada tanto para a comunidade como para os próprios técnicos envolvidos na gestão de bens culturais. Esta noção fundamenta a organização de um conjunto de actividades centrado no conhecimento do património local, explorando a ambivalência natural-cultural, cujo valor contribui, decisivamente, para a identidade e diferenciação de Aveiro.

Neste papel educativo do museu, a sua articulação e concertação com as outras entidades que agem no território e que colaboram activamente na vida da comunidade, aportando os seus saberes e os seus contributos para uma causa comum, constituem uma mais-valia e proporcionam resultados qualitativamente superiores.

Para mais informações, os interessados podem contactar o Museu da Cidade de Aveiro, sito na Rua João Mendonça, 9-11, 3800-200 Aveiro, através do telefone 234 406 485, ou fax 234 406 307, e-mail museucidade@cm-aveiro.pt.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:01

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 10 de Novembro de 2008

Simulacro de emergência em cenário de incêndio em Aveiro

Iniciativa encerra acção de sensibilização “Agir em Segurança”

Realizou-se um simulacro de emergência num cenário de incêndio no passado sábado, dia 8, pelas 10.30 horas, numa habitação sita no Bairro Social da Quinta da Bela-Vista, freguesia de Esgueira.

O simulacro feito num cenário de incêndio envolveu o Serviço Municipal de Protecção Civil, a Polícia Municipal, a Polícia de Segurança Pública, Bombeiros Novos de Aveiro e “correu da melhor forma”, como destacou o vereador do pelouro da Protecção Civil, Carlos Santos. Foi também simulado o transporte para o hospital de um bombeiro “ferido”, por inalação de fumo.

Este simulacro foi desenvolvido no âmbito da acção “Agir em Segurança”, que ao longo de três dias realizou três sessões informativas: “Prevenção e Segurança Doméstica (Habitat e Salubridade)”, onde se deram informações sobre a adopção de cuidados e atitudes comportamentais que contribuam para a prevenção de acidentes domésticos com crianças e idosos; “Boas Práticas Ambientais (Resíduos - destino final)”, tendo sido apontados alguns comportamentos a ter quanto à reciclagem de resíduos domésticos, numa perspectiva integrada ao nível do desenvolvimento sustentável e os formandos ficaram dotados de competência técnica quanto ao manuseamento de extintores, através de uma componente prática com o descarregamento de seis extintores.

No sábado a acção terminou com o simulacro onde se “pretendeu que aos formandos fosse dada a possibilidade de verificar e comprovar a operacionalidade de todos os meios de protecção contra incêndio”, realçou Carlos Santos, sendo possível ainda “identificar anomalias na actuação humana e reflectir sobre o controlo dos tempos de evacuação e dos tempos necessários às tarefas de primeira intervenção”, reforçou o autarca.

 

Acção “Agir em Segurança”

Importa ainda referir que durante a acção “Agir em Segurança” participaram muitos moradores desta Urbanização que, na pessoa do presidente da Associação Desportiva da Bela-Vista, António Silva, revelou “estar bastante satisfeito com esta actividade municipal, dado que há uns anos houve um incêndio neste bairro e os bombeiros chegaram passados 40 minutos e desta vez apenas demoraram 11. Houve uma melhoria do tempo de espera em 29 minutos”.

A acção “Agir em Segurança”, que decorreu no Bairro Social da Quinta da Bela-Vista, com os apoios da Junta de Freguesia de Esgueira e da Associação Desportiva da Bela-Vista, teve como principais objectivos dotar os moradores de competências e conhecimentos que lhes permitam prevenir situações susceptíveis de risco no interior da sua habitação e promover o debate e a participação dos moradores na área da prevenção e segurança.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:56

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 6 de Novembro de 2008

Anadia recebeu “2ª Conferência sobre Educação - Transferência de Competências”

Ministra “sem pressa” para transferir competências

Maria de Lurdes Rodrigues, ministra da Educação, advertiu, no passado dia 31 de Outubro, em Anadia, que todos os professores que não se submetam ao processo de avaliação não vão “reunir condições para progredir na carreira, como acontece com qualquer funcionário público”. A governante falava aos jornalistas à margem da “2ª Conferência sobre Educação”, subordinada ao tema “Transferência de Competências”, que decorreu no Cine-Teatro Municipal de Anadia. Sobre esta temática, a ministra foi clara, dizendo que o Governo “não tem pressa” na transferência de competências das escolas para as autarquias, andando ao ritmo que estas queiram, com os recursos disponíveis.

No espaço exterior ao Cine-Teatro de Anadia marcaram presença alguns docentes pertencentes ao Sindicato dos Professores da Região Centro (SPRC), que vieram assim dar as boas-vindas a Maria de Lurdes Rodrigues, mostrando descontentamento face ao processo de avaliação.

Quem também não escapou às críticas do SPRC foi o presidente da Câmara Municipal de Anadia, Litério Marques, que enalteceu o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela governante, incluindo no processo de avaliação de docentes, dizendo também admirá-la, devido à coragem que tem demonstrado face à onda de contestação ao nível de todo o país.

Foi durante a sessão de abertura da “2ª Conferência sobre Educação - Transferência de Competências”, que Litério Marques lembrou à ministra da Educação que a “proximidade de gestão poderá acartar ganhos, sendo necessário ter a noção de que a assunção destas novas competências vai acarretar para as autarquias outras responsabilidades”.

O autarca pediu à governante para fazer alguma coisa em defesa dos orçamentos das autarquias, referindo-se aos financiamentos vindos do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) para a construção dos novos centros escolares, que não são aprovados em 70%: “Temos de desenvolver condições mínimas para pôr mãos à obra!”.

Litério Marques, de seguida, criticou a opinião de alguém do SPRC, por algumas escolas estarem a usar contentores para dar aulas. “Anadia não enfia esse barrete! Temos muitos pré-fabricados e ainda há dias levámos um a Mogofores, com todas as condições”, defendeu, sublinhando que em Anadia estes equipamentos vieram para dar melhores condições aos alunos.

“Como professor primário, não posso pôr de parte o que a ministra tem feito pela defesa do ensino e clarificação da avaliação de professores, que vem beneficiar o trabalho daqueles que dão a cara”, disse Litério Marques, acrescentando ainda: “Admiro a ministra da Educação pela sua coragem, devido à contestação que tem vindo a ter”. O autarca rematou avisando que a transferência de competências “tem de ser bem pensada, para as crianças não perderem”.

 

Professores abandonam sala

No momento em que Litério Marques criticou o SPRC e enalteceu o trabalho desenvolvido por Maria de Lurdes Rodrigues, alguns professores abandonaram a sala, descontentes com a “extrema agressividade das palavras, quer em relação ao sindicato, quer em relação aos docentes”, como explicou Rosa Gadanho, coordenadora do SPRC.

Aníbal Marques, professor de Psicologia na Escola Secundária de Anadia, foi um deles: “O que disse o presidente não está em consonância com o que se passa nas escolas. São afirmações descabidas! O processo de avaliação deve existir, mas em outros moldes, formativos em termos científicos e pedagógicos”. O docente defendeu ainda que o importante é “estarmos actualizados. E isso faz-se com acções de formação credíveis, que devem ser pagas pelo Ministério da Educação. Este modelo não faz sentido do ponto de vista operacional. É fragmentador e disperso. E não aufere a qualidade dos docentes”.

 

As escolas devem ser o centro

Maria de Lurdes Rodrigues disse que não podia deixar de vir ao primeiro encontro organizado por autarquias, dedicado à transferência de competências, “sobre o qual vale a pena reflectir”, visto que o apelo dos dias de hoje é para uma “maior descentralização, levando as autarquias e neste caso os pais e as escolas a terem mais autonomia”.

De acordo com a governante, as escolas evoluíram para organizações complexas, com cada vez mais autonomia, devendo ser o “centro das atenções, não podendo a sua autonomia ficar subsumida”. Para Maria de Lurdes Rodrigues, os ganhos de eficiência e qualidade são a chave para esta reflexão. “Mas o Ministério da Educação não tem pressa. Tem a pressa que tem o país. Neste momento, 100 autarquias já assinaram o protocolo”, adiantou.

Sobre o QREN, a ministra referiu estar feito um projecto para os centros escolares, mas que ainda não se gastou nada, portanto “não vamos para já dizer se é muito ou pouco”. Maria de Lurdes Rodrigues disse ainda que todas as Secundárias vão ser remodeladas, sendo que este mês abre o concurso para as 75 escolas que vão ser modernizadas em Março.

Após um almoço que decorreu no Museu do Vinho Bairrada, a governante esteve a ouvir a opinião de um grupo apreciável de presidentes dos Conselhos Executivos de várias escolas da região, sobre o processo de avaliação de professores. Também deu a sua opinião sobre algumas práticas. (Foto: Davide Silva)

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:12

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Outubro de 2008

Acção para pais e encarregados de educação

Estimular o gosto pelos livros

A Biblioteca Municipal de Águeda realiza no próximo dia 8 de Novembro, às 15 horas, no Pólo de Leitura da Alta Vila, uma acção para pais e encarregados de educação, onde serão abordadas “Formas de Aumentar o Gosto pelos Livros”, conduzida pelo psicólogo educacional Alfredo Leite.

A temática desta acção de formação é bastante actual e pertinente. De uma forma descontraída e sem o peso de uma formação propriamente dita, os participantes são convidados a falar das suas dúvidas e dos seus receios no que toca a este tipo de abordagem.

Nesta sessão, o objectivo é tentar dar pistas aos pais, pois os tempos são difíceis e estes também precisam de inspiração. Assim, é importante colocá-los a pensar, a fazerem uma auto-análise e, porque não, a sorrir. Numa tarde bem passada, com o intuito de transmitir de uma forma clara, simples e prática ensinamentos importantes de diferentes áreas da ciência. Não há sessões para pais realizadas de forma perfeita. Há sessões que tentam tocar, envolver, emocionar e as que “despejam” informação, como se comunicar com os pais fosse tarefa simples.

Actualmente, a forma como uma criança e um jovem desenvolvem competências para recolher e tratar a informação, é fundamental. A importância da leitura, da escrita, do gostar de livros, do fazer uma biblioteca de família é cada vez mais premente.

Nas sociedades contemporâneas, a leitura, tanto em contexto escolar, profissional ou de lazer, assume uma função importante na promoção do desenvolvimento cultural, científico, político e, consequentemente, económico dos povos e dos indivíduos. Muito se tem reflectido e debatido sobre a forma de incentivar e motivar as pessoas para a leitura, em especial as crianças e os jovens, que ainda não criaram nem enraizaram esse hábito tão enriquecedor.

Por vezes motivar para a leitura é mais fácil do que parece. Parte muito da atitude e da influência do pai, do adulto ou de quem tem o papel de educador. E qual é uma das melhores formas do adulto melhorar a sua atitude? Exactamente, participando numa sessão como esta.

Assim, fica o convite a todos os interessados. Para participar deverão formalizar a inscrição, gratuita, para o seguinte endereço - biblioteca@cm-agueda.pt - com os seguintes dados: nome; morada; contacto e profissão, até ao dia 6 de Novembro.

 

“Os livros são uma hipótese de felicidade”

Jorge Luís Borges

 

Data: 8 de Novembro

Horário: 15 horas

Duração: 90 minutos

Local: Pólo de Leitura da Alta Vila

Público-alvo: Pais; encarregados de educação; profissionais de educação; profissionais de Biblioteca

 

Mais informações:
Biblioteca Municipal de Águeda
Largo António Homem de Mello,
3750-107 Águeda
E-mail: biblioteca@cm-agueda.pt

Telf.: 234 624 688

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:21

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Promoção da leitura na Bi...

“Artes da Arte” na Casa M...

Câmara da Mealhada dá apo...

Encerramento da 3ª Univer...

Biblioteca Municipal da M...

Curia (Anadia) volta a re...

Museu da Cidade de Aveiro

Simulacro de emergência e...

Anadia recebeu “2ª Confer...

Acção para pais e encarre...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds