Sexta-feira, 9 de Janeiro de 2009

Hoje é a vez do futebolista João Tomás mostrar dotes culinários em Oliveira do Bairro

Nuno Graciano veste papel de cozinheiro no Restaurante Quinta do Vale

Nuno Graciano foi o primeiro convidado da iniciativa “Cozinhar no Restaurante Quinta do Vale com...” no dia 3. O apresentador mostrou que também neste campo é capaz de “dar cartas”, deixando todos os comensais agradavelmente surpreendidos com os três pratos que confeccionou.

Nuno Graciano, que diz ter aprendido a cozinhar com a avó, trouxe três pratos da cozinha tradicional portuguesa: canja de galinha, onde usou a galinha cozida, “desfiada e também os miúdos”; arroz de polvo, “maladrinho, com o molho ainda a fervilhar nos pratos” e jardineira.

Na cozinha do restaurante, situado em Oliveira do Bairro e a funcionar desde Junho, contou com a “preciosa ajuda” dos dois chefes, Fernando Heleno (da Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra) e Jorge Fernandes (da Escola de Hotelaria e Turismo de Mirandela), que prepararam a primeira degustação: salada de grão com bacalhau e couve, pasta de queijo com azeitona e orégãos e salada de atum com camarão e pimentos. Também a sobremesa esteve a cargo dos dois chefes: bavaroise de chocolate com bolo seco de coco, gelado de tangerina e coli de frutos vermelhos.

O júri, constituído pelos dois chefes do restaurante e por três jornalistas, teve acesso a uma ficha individual de avaliação, onde constavam cinco parâmetros de avaliação - apresentação, técnica, confecção, degustação e equilíbrio -, aos quais os pratos cozinhados por Nuno Graciano foram submetidos.

Os resultados finais ficaram no segredo dos Deuses, sendo só conhecidos no final da iniciativa, que para já vai prolongar-se durante quatro meses. Gustavo Maya e Carlos Ferreira, responsáveis pelo Quinta do Vale, admitem que como há pessoas em casa que não sabem cozinhar, decidiram ir buscar figuras públicas dos mais variados ramos “para assim dar o exemplo”.

Nuno Graciano, sempre sorridente, considerou a experiência “fantástica. Tive a possibilidade de reproduzir num restaurante o que faço em casa. São pratos de eleição que sirvo aos meus amigos”.

O apresentador de televisão repetiu que sem a ajuda dos dois chefes não teria conseguido o mesmo resultado, confessando ter acabado por aprender técnicas novas com ambos. Admitiu ter tido algum receio quando lhe foi proposto o desafio, “porque não sabia como transpor para restaurante o que faço em casa”.

Fernando Heleno gabou a actuação de Nuno Graciano, que mal entrou na cozinha colocou no mesmo momento “mãos à obra”. A cozinha “era dele. A coragem de trazer a cozinha tradicional portuguesa para esta noite é de se louvar. O Nuno Graciano levantou-se várias vezes da mesa para ir à cozinha espreitar os tachos, mostrando que não veio apenas para fazer uma refeição”.

Também Jorge Fernandes enalteceu a postura de Nuno Graciano, “muito à vontade e tranquila” e os pratos confeccionados.

Hoje a iniciativa continua, mas desta vez com João Tomás, jogador do Boavista Futebol Clube.

Convém lembrar que o restaurante vai estar aberto ao público em todas as noites que a iniciativa se realizar, por norma à sexta-feira ou sábado ao jantar. Mas quem se dirigir ao espaço nessas noites, terá de comer os pratos confeccionados pelas figuras públicas.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:16

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 3 de Dezembro de 2008

Cumpre-se a tradição no dia 6

Ceia do porco em Bolfiar, Águeda

De novo o Núcleo Desportivo de Bolfiar não deixará esquecer o dia da matança do porco, nem a fartança dos dias seguintes. O sarrabulho comia-se logo no dia, o ensopado da cabeça no dia seguinte e os rojões pouco tempo depois. Mas, em Bolfiar, a celebração faz-se toda no mesmo serão, para que ninguém esqueça os serões de Inverno, quando o cevado saía do curral direitinho à salgadeira.

Esta celebração cultural tem sido repetida no primeiro sábado de Dezembro, sempre em Bolfiar, tendo nos últimos anos estacionado na casa aconchegada de Nelson Gomes, um verdadeiro lugar de culto, que disputa ao São Geraldo a primazia de capela mais frequentada e recebe reclamações das tabernas e cafés locais de concorrência desleal. Em 2008, será no dia 6 de Dezembro e a ementa segue os mesmos padrões da tradição e a mesma mestria do paladar apurado pelo saber de tantas e tantas gerações.

Na entrada, o sarrabulho dá as boas-vindas, com a mesma sem-cerimónia com que os matadores o provavam, na bacia larga com alho, azeite, limão e uma pitada de pimenta, ainda em cima da barriga do porco, quando se virava entre duas lavadelas. Depois vem o ensopado da cabeça ou cacholada, neste caso enriquecida com os tronchos saborosos de meio-sal e os ossos de assuã. Para lavar a boca, a rojoada com hortaliça.

O serão desta quadra já pede castanhas e elas lá estarão, tão quentes como os bilharacos acabados de fazer no borralho da casa do Nelson. Para despedida aparecem sempre cantigas, porque como diz o David Fernandes, “numa casa portuguesa, seja rica ou modesta, pode haver festa sem vinho, mas nunca vinho sem festa”.

Quem quiser chegar a Bolfiar e juntar-se à celebração da matança do porco, apenas terá que avisar com alguma antecedência, contactando os responsáveis do Núcleo Desportivo de Bolfiar ou telefonando para o 93 359 18 86 (Bruno), 93 555 44 43 (Victor) ou 93 818 06 73 (António Peralta). Pode ainda reservar lugar no restaurante Sobe & Desce ou no café Parreira.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:35

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

Mobilidade e ambiente

Bicicletas de utilização gratuita nas margens da Pateira

A Câmara Municipal de Águeda disponibiliza bicicletas de utilização gratuita, nas margens da Pateira, na freguesia de Óis da Ribeira, Águeda.

Esta iniciativa da autarquia conta com uma parceria público-privada em que estão envolvidas a Junta de Freguesia de Óis da Ribeira e o Restaurante Pôr-do-Sol. Cada um dos promotores tem funções específicas no acompanhamento e execução deste projecto. Assim, a Junta de Freguesia fica responsável pela colocação e recolha das bicicletas e ao Restaurante Pôr-do-Sol cumpre confiar gratuitamente os velocípedes aos utentes que requeiram a sua utilização.

Com esta iniciativa procura-se estimular a visita deste espaço natural de uma forma saudável para o visitante e sustentável para o meio ambiente. O ciclista ao utilizar a bicicleta, no seu passeio pela Pateira, colabora na preservação do meio ambiente, promove práticas de vida saudável e pratica exercício físico. Por outro lado, o passeio de bicicleta pela Pateira potencia o conhecimento e a fruição da que é considerada maior lagoa natural da Península Ibérica. Deixar o automóvel e seguir de bicicleta pelos caminhos e trilhos em volta da lagoa é o repto lançado a todos aqueles que vêm visitar esta zona.

São ainda feitas algumas recomendações aos visitantes para assumirem comportamentos “amigos do ambiente”, como: evitar a utilização de transportes motorizados, colocar o lixo nos recipientes apropriados para o efeito, não recolher (ou introduzir) plantas nem animais e circular com precaução.

Em breve estará disponível um pequeno itinerário que o utilizador da bicicleta poderá seguir e que o conduzirá ao longo das margens cicláveis da Pateira bem como, em alternativa, até aos pontos de interesse da freguesia de Óis da Ribeira.

Este projecto teve início na segunda quinzena de Agosto e foi suspenso devido às férias de um dos parceiros - o Restaurante Pôr-do-Sol -, sendo retomado a partir do dia 26 de Setembro e enquanto as condições climáticas o permitirem.

 

Os horários

As bicicletas estão disponíveis das 10.30 às 17.30 horas, excepto à segunda-feira. Refira-se que durante a primeira quinzena, ao fim-de-semana, as bicicletas não chegaram para as requisições, estando a ser equacionada, para o próximo ano, a disponibilização de mais bicicletas nesta área e, eventualmente, noutras áreas da Pateira.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 08:19

link do post | comentar | favorito
Sábado, 27 de Setembro de 2008

“Melhor Sobremesa com Uva”

Doce Oiã e Centro Cultural de Sá vencem concurso

A Padaria e Pastelaria Doce Oiã e o Centro Cultural de Sá foram os vencedores da II edição do Concurso “Melhor Sobremesa com Uva”, na categoria de Restaurantes e Pastelarias e na categoria de Particulares, Caves, Produtores/Engarrafadores e Associações, respectivamente, que se realizou no passado dia 19, no Museu do Vinho Bairrada, em Anadia, e transmitido em directo no programa Praça da Alegria, na RTP1.

O concurso, que foi organizado pela Associação Comercial e Industrial da Bairrada (ACIB), com o apoio da Câmara Municipal de Anadia e com o patrocínio da Porcel, contou com a participação de 21 sobremesas, divididas pelas duas categorias, e com a presença de várias pessoas, que se deslocaram ao Museu do Vinho.

Na categoria Restaurantes/Pastelarias os vencedores foram: 1º Classificado - Padaria e Pastelaria Doce Oiã, com a sobremesa Vinho dos Deuses; 2º Classificado - Hotel Paraíso, de Oliveira do Bairro, com a sobremesa Festival de Uva e 3º Classificado - Chocolate Chocolate, da Praia da Barra, com a sobremesa Equilíbrio.

Na categoria Particulares/Caves/ Produtores/Engarrafadores/Associações, os três primeiros lugares foram: 1º Classificado - Centro Cultural de Sá, com a sobremesa BaiBaga; 2º Classificado - Maria da Luz Carvalho, com a sobremesa Pudim de Uva e 3º Classificado - Centro Social e Cultural Nossa Senhora do Ó de Aguim, com a sobremesa Vintage de Baco.

O júri, constituído por Luís Lavrador - Chefe de Cozinha da Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra, Gustavo Maya - Chefe de Restaurante e Bar da Escola de Hotelaria e Turismo de Mirandela e Jorge Fernandes - Chefe de Cozinha e Pastelaria da Escola de Hotelaria e Turismo de Mirandela, avaliou as sobremesas tendo em conta a apresentação, o paladar, a originalidade, o nome atribuído ao doce e a utilização de castas da Região Demarcada da Bairrada.

Os vencedores foram anunciados em directo, no programa Praça da Alegria, da RTP1, pelo Chefe Luís Lavrador e por Sónia Araújo, que entregou os prémios, patrocinados pela Porcel, aos três primeiros classificados de cada categoria.

Depois do anúncio dos vencedores e da entrega dos prémios, seguiu-se a prova das sobremesas pelas pessoas que acompanharam o concurso.

No final, a satisfação era geral, visto que tanto os concorrentes, como o júri, assim como os muitos curiosos que se deslocaram ao Museu do Vinho, elogiaram a iniciativa pela originalidade e qualidade das sobremesas apresentadas.

 

Lista de participantes

Na categoria de Restaurantes/Pastelarias participaram: Pastelaria Diva, Águeda; Chocolate Chocolate, Praia da Barra; Aqua Doce, Aguada de Cima; Pastelaria Doce Oiã, Oiã; Residencial Estância, Oiã e o Hotel Paraíso, Oliveira do Bairro.

Na categoria de Particulares/Caves/Produtores/Engarrafadores/Associações participaram: Centro Social e Cultural Nossa Senhora do Ó de Aguim, Aguim; Ana Tereza Mamede, Anadia; Rute Helena Santos Tavares, Moita; Maria da Luz Carvalho, Famalicão; Maria de Fátima Ferreira, Sá; Maria Clementina Silva, Sangalhos; Maria Glória Silva, Pereiro; Centro Cultural de Sá, Sá e a Junta de Freguesia de Sangalhos, Sangalhos.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:40

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 17 de Setembro de 2008

“Melhor Sobremesa com Uva”

ACIB organiza II Edição do Concurso

A Associação Comercial e Industrial da Bairrada (ACIB) vai promover a II Edição do Concurso “Melhor Sobremesa com Uva”, no próximo dia 19 de Setembro, sexta-feira, no Museu do Vinho Bairrada, em Anadia, pelas 10 horas, com o apoio da Câmara Municipal de Anadia.

A ACIB pretende, com esta iniciativa, promover e divulgar a utilização da uva, valorizando as castas da Região da Bairrada na confecção de sobremesas.

O concurso está dividido em duas categorias. Particulares, Caves, Produtores/ Engarrafadores e Associações é a primeira delas. A segunda corresponde aos estabelecimentos de Restauração/Pastelarias.

Os doces vão ser apreciados e avaliados por um júri, composto por um chefe de pastelaria, um chefe de cozinha e um chefe de mesa.

 

Avaliação

A avaliação terá em conta os seguintes critérios:

- Apresentação;

- Paladar;

- Originalidade;

- Nome atribuído ao doce;

- Utilização de castas da Região Demarcada da Bairrada.

Serão atribuídos prémios aos três primeiros classificados de cada categoria e certificados de participação a todos os participantes.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:03

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 9 de Setembro de 2008

No Espaço Inovação

ACIB promove curso de Educação e Formação de Adultos de Cozinheiro

A Associação Comercial e Industrial da Bairrada (ACIB) vai iniciar, em Outubro, um curso de Educação e Formação de Adultos (cursos EFA) de Cozinheiro, na sede da associação, no Espaço Inovação, na Zona Industrial de Vila Verde, em Oliveira do Bairro.

Este curso garante certificação escolar de 9º ano, qualificação profissional nível III e apresenta um percurso flexível e adequado ao adulto, a partir do reconhecimento e validação de competências prévias.

No final da acção, os formandos ficarão aptos a trabalhar numa cozinha de qualquer unidade hoteleira ou similar de hotelaria e obterão a qualificação equivalente a cozinheiros de 1ª.

Este curso destina-se a desempregados com idade igual ou superior a 23 anos, inscritos no IEFP com escolaridade mínima de Nível 2, ou seja, com habilitações inferiores ao 3º ciclo (menos que o 9º ano).

As actividades principais da acção passam por:

- Efectuar a “mise-en-place” do serviço, procedendo ao armazenamento e conservação das matérias-primas e à preparação da cozinha para os trabalhos do dia;

- Preparar/confeccionar ementas para a restauração colectiva – saladas, sopas, fundos, molhos, pratos principais de cozinha e sobremesas;

- Confeccionar/apresentar ementas tradicionais portuguesas;

- Confeccionar/apresentar ementas internacionais;

- Articular com o serviço de mesa e colaborar em serviços especiais.

O curso terá a duração de 1960 horas - que incluem 120 horas de prática em contexto de trabalho -, e decorrerá em horário laboral (das 9 às 12.30 horas e das 14 às 17.30 horas).

Nesta acção, os formandos têm direito a bolsa de formação, seguro de acidentes pessoais, subsídio de transporte e subsídio de alimentação.

Para mais informações, contactar o Departamento de Formação da ACIB pelo telefone: 234 730 320 ou via e-mail: formacao@acib.pt.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 08:07

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 3 de Setembro de 2008

15ª Festa do Leitão à Bairrada e 11ª Mostra de Artesanato e Gastronomia de Águeda

Certame inaugura hoje às 19 horas

A inauguração da 15ª edição da Festa do Leitão à Bairrada, evento que decorre em simultâneo com a 11ª Mostra de Artesanato e Gastronomia de Águeda, está marcada para as 19 horas de hoje, quarta-feira, com uma sessão solene no Salão Nobre dos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Águeda.

O evento realiza-se de 3 a 7 de Setembro, na cidade de Águeda, mais concretamente no Largo 1º de Maio e espaços circundantes.

Recorde-se que a área da restauração vai ficar situada no Largo 1º de Maio e com os restaurantes Nelson dos Leitões, Jorge Marques, O Talher, Turiságueda, Zito dos Leitões, Recreio Desportivo de Águeda e Restaurante Vidal. O leitão vai ser comercializado nos restaurantes do recinto do evento, a 10 euros à dose, acompanhado com batata frita/cozida e salada. O leitão inteiro será vendido para fora (do recinto) a 20 euros/quilo.

 

James dão concerto amanhã

A procura dos bilhetes tem sido uma constante junto da organização - uma parceria entre a Associação Comercial de Águeda (ACOAG) e a Câmara Municipal de Águeda -, sendo o concerto dos James (amanhã) o mais procurado, existindo já um número considerável de interessados na aquisição do papel mágico.

Hoje é Jorge Palma quem sobe ao palco, às 22.30 horas. Amanhã, à mesma hora, são os James que vão animar a noite do recinto, que promete estar bem preenchido. Já na sexta-feira, de novo às 22.30 horas, Tiago Bettencourt e Pólo Norte prometem fazer as delícias dos fãs. Dia 6, sábado, são os GNR que pelas 22.30 horas sobem ao palco e no domingo, a música é outra, com o espectáculo “Na Rota dos Ventos”, com início marcado para as 22 horas.  

Hoje e amanhã as bilheteiras da Festa do Leitão abrem às 13 horas para venda de bilhetes para os concertos.

Para assistir aos espectáculos, existe um valor simbólico de entrada, face à variedade do que será colocado à disposição dos visitantes. O preço de entrada é de 2,5 euros, excepto nos dias 4 e 7 de Setembro, sendo que no dia 4 será de 5 euros e no dia 7 será de 2.

O certame vai ter ainda uma zona de animação com insufláveis e variadas actividades de lazer (mini-golfe e bicicletas náuticas, sendo este último serviço o único a ser pago, consoante a utilização), que trarão a alegria e boa disposição a todos os visitantes, complementada com um conjunto de quatro bares, com funcionamento “after-hours”.

Numa parceria com a Bela Vista, existirá também uma zona lúdica para as crianças, que estarão acompanhadas pela instituição de acção social do município de Águeda.

Mais informações no site oficial do evento: www.festadoleitao.com.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 08:01

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 29 de Agosto de 2008

15ª Festa do Leitão à Bairrada e 11ª Mostra de Artesanato e Gastronomia de Águeda

Certame arranca dia 3 e dura até 7 de Setembro

A Associação Comercial de Águeda (ACOAG) e a Câmara Municipal de Águeda apresentam a 15ª edição da Festa do Leitão à Bairrada, evento que decorre em simultâneo com a 11ª Mostra de Artesanato e Gastronomia de Águeda.

O certame realiza-se de 3 a 7 de Setembro, na cidade de Águeda, no Largo 1º de Maio e espaços circundantes, junto ao Rio Águeda - uma zona ribeirinha remodelada -, tornando-se num lugar aprazível e dotado de uma beleza natural especialmente rica.

A organização, a poucos dias do início, está a trabalhar a logística, estando já colocadas as tendas onde vão ficar instalados os dez restaurantes que vão servir o petisco mais apetecido da Bairrada, o leitão.

                                      

Área de restauração

A área da restauração vai ficar situada no Largo 1º de Maio. Nelson dos Leitões, Jorge Marques, O Talher, Turiságueda, Zito dos Leitões, Recreio Desportivo de Águeda e Restaurante Vidal são os restaurantes que vão estar presentes na edição de 2008 da Festa do Leitão.

O objectivo do certame passa pela promoção e divulgação do Leitão à Bairrada, especialidade gastronómica afamada e sobejamente conhecida, não só em Portugal mas um pouco por todo o mundo. Pretende-se também divulgar os vinhos e espumantes bairradinos, que se distinguem por um palato típico e característico de uma excelente zona vinícola. A organização tem também como objectivo ultrapassar os 50 mil visitantes que foram atingidos em 2007.

Também já foi notória a mudança do ecrã gigante, situado agora em frente à entrada principal, para abranger toda a área do recinto na divulgação dos conteúdos que vão estar na grelha da programação desta “televisão do concelho”, que estará a emitir na 15ª Festa do Leitão à Bairrada.

 

Leitão a 10 euros à dose

Para alcançar o êxito, a organização aposta na qualidade do leitão que será, nesta edição, comercializado nos restaurantes do recinto do evento a 10 euros à dose, acompanhado com batata frita/cozida e salada. O leitão inteiro será vendido para fora (do recinto) a 20 euros/quilo.

O certame conta também com uma imagem renovada, assim com uma inovada divulgação, através da colocação, pela cidade, de 20 grandes réplicas (1,35 metros de comprimento por 75 centímetros de altura) em fibra de vidro de leitões pintados à mão, numa iniciativa inédita da autarquia. Aliás, todos os leitões já estão colocados nas rotundas das entradas da cidade, como elemento de promoção do evento, tendo já alguns deles sofrido actos de vandalismo.

 

Aposta em grandes artistas

Uma das grandes apostas da organização da 15ª Festa do Leitão à Bairrada é a presença de grandes artistas durante todos os dias em que dura o evento.

Na edição de 2008, o cartaz cultural está preenchido da seguinte forma:

 

* Dia 3 de Setembro 2008            Jorge Palma

 

* Dia 4 de Setembro 2008            James

 

* Dia 5 de Setembro 2008            Pólo Norte

                       Tiago Bettencourt

 

* Dia 6 de Setembro 2008            GNR

                                                     Espectáculo de Fogo-de-artifício

 

* Dia 7 de Setembro 2008            Festival de Folclore

                                                    Na Rota dos Ventos

 

O certame vai ter ainda uma zona de animação com insufláveis e variadas actividades lúdicas que trarão a alegria e boa disposição a todos os visitantes, complementada com quatro bares, com funcionamento “after-hours”.

O preço de entrada será de 2,5 euros, excepto nos dias 4 e 7 de Setembro, sendo que no dia 4 será de 5 euros e no dia 7 será de 2.

Para mais informações, relativas ao evento, consultar a página oficial em www.festadoleitao.com.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 07:58

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 6 de Dezembro de 2007

Inauguração de restaurante dinamiza turismo em Macieira de Alcôba

“A Escola” vai permitir saborear sabores de outros tempos

Foi inaugurado na terça-feira, dia 4 de Dezembro, o restaurante “A Escola”, equipamento essencial para a dinamização da actividade turística em Macieira de Alcôba, concelho de Águeda.

Fruto da iniciativa da Câmara Municipal de Águeda, a antiga escola de Macieira de Alcôba, agora transformada num simpático e original restaurante, dará início a um novo espaço de apoio e incremento ao turismo, naquela bela e rústica freguesia serrana do concelho de Águeda.

Esta parceria público-privada lançada pela Câmara Municipal de Águeda e acolhida por investidores privados – Zulmira e António Novo –, tem como objectivo promover o turismo de toda aquela franja da zona serrana do concelho, possibilitando, deste modo, apetrechar aquela aldeia montesina com uma infra-estrutura capaz de captar turistas e visitantes, que desejem percorrer aquela área do concelho.

O restaurante vai dar primazia à gastronomia serrana, com abundantes e típicos pratos de carne de vitela, porco e cabrito. Os ingredientes serão os que a região oferece. As surpresas serão sem dúvida muitas, num espaço onde se irão reaprender os sabores de outros tempos.

Macieira de Alcôba é uma pequena aldeia de características rurais. As suas casas são construídas em granito, ornando a paisagem de uma beleza única e fascinante. As montanhas cobertas de tonalidades verdes, convidam os amantes da natureza a desfrutar da sua calma, do seu silêncio, do seu ar puro. A população mantém muitos hábitos tradicionais e partilha, ainda, alguns modos de vida e ajuda comunitária.

Ao fundo, uma represa, que os mais modernos chamam de piscina fluvial, desafia o turista a um apetecível banho. Na Urgueira, o Forno Comunitário é ateado, todos os anos, na Romaria à Senhora da Guia, em Agosto.

publicado por quiosquedasletras às 09:17

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Rota da Lampreia e da Vit...

AgitÁgueda 2010

Câmara Municipal de Águed...

“4 Maravilhas da Mesa da ...

“Museu do Milho” é uma ap...

Festa do Leitão à Bairrad...

“Água, Pão, Vinho e Leitã...

Ambiente

De 1 a 30 de Abril

Campanha “Recolha de Rolh...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub