Quinta-feira, 16 de Outubro de 2008

“Gala do Espumante Bairrada”

Espumante Bairrada foi o anfitrião em noite de charme

O renovado mas sempre elegante Palace Hotel da Curia recebeu, na noite do passado sábado, dia 11, a primeira “Gala do Espumante Bairrada”, uma noite projectada para ser de charme e glamour, onde os anfitriões foram os 18 espumantes seleccionados pelos associados da Rota da Bairrada, promotora do evento. As “estrelas da gala” foram provadas ao longo da noite, que se prolongou até de madrugada, terminando com chave de ouro, com o fado de José Perdigão.

Após um Cocktail de boas-vindas, ao som de Jazz ao vivo, onde começaram a ser degustados alguns dos 18 espumantes, os convidados e participantes da primeira “Gala do Espumante Bairrada” dirigiram-se para o salão de festas do Palace, onde teve lugar o jantar. Todos foram brindados com a entrada das “estrelas da noite”, que foram apresentadas, desde o nome às castas que as compunham, até serem colocadas sobre um painel e dali não arredarem pé até ao final do evento, ficando expostas, para que todos as pudessem contemplar.

Os 18 espumantes - rosés, brancos e tintos - eram provenientes dos nove associados: Caves Aliança, Campolargo, Casa do Canto, Caves do Solar de São Domingos, Caves Primavera, Luís Pato, Quinta da Grimpa, Quinta do Encontro e Quinta do Ortigão.

Já depois de ter iniciado o jantar, assinado pelo Chefe Carlos Pimentel e pelo mestre João Fonseca, foi a vez de Dias Cardoso contar um pouco da história de vida do ex-líbris da Bairrada, o espumante.

“Em 1890 começou-se a produzir espumante na Bairrada e Douro. Só anos mais tarde começa a desenvolver-se na região Távora-Varosa”, explicou Dias Cardoso, sublinhando que a produção a nível nacional, de espumante Bairrada, é de quase 50%, continuando a ser “de longe a maior região produtora de espumante em Portugal”, garantiu, advertindo: “Mas não nos podemos acomodar a esta supremacia”.

Litério Marques, presidente da Câmara Municipal de Anadia, lembrou o dia 25 de Novembro de 2006, quando se realizou a cerimónia de outorga da escritura pública da Rota da Bairrada, com a presença de Jaime Silva, Ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas. “Eis a nova Rota da Bairrada. Unir para ser mais forte. Foi na adesão das autarquias que este movimento tem uma nova vitória, porque seis dos oito municípios da Bairrada já aderiram, estando os outros dois em fase de adesão” (Águeda e Vagos), disse o autarca, muito satisfeito.

Contudo, na entrega das placas aos associados (da autoria do ceramista Paulo Júlio), dos seis municípios - Anadia, Mealhada, Oliveira do Bairro, Cantanhede, Coimbra e Vagos - os três últimos não estiveram presentes. Foram também entregues as placas aos hotéis, caves e produtores.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:00

link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


Pesquisar

 

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Aeróbica reuniu cerca de ...

Câmara Municipal de Aveir...

Seminário Internacional “...

Luís Fernandes, da d’Orfe...

Voluntários ajudam a limp...

Recortes de jornais desde...

Rota da Lampreia e da Vit...

Câmara Municipal de Anadi...

Candidaturas ao Fundo Soc...

Reunião aberta para a ini...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds