Domingo, 31 de Janeiro de 2010

Cerca de 250 pessoas no registo de dadores de medula óssea promovido pela CADES

Solidariedade move população da Bairrada

Cerca de 250 pessoas - dos concelhos da Mealhada e Anadia mas não só - estiveram ontem, dia 30 de Janeiro, na Escola Secundária da Mealhada, na cidade da Mealhada, para participar na recolha de registo de dadores de medula óssea, uma iniciativa organizada pelo Núcleo de Saúde da Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social, em parceria com o Centro de Histocompatibilidade do Centro (CHC), que se deslocou ao local com uma brigada.

Pela Teresa, pelo Afonso, pela Sofia, pela Cármen. Por todos. Foram estas crianças e tantos outros que necessitam de transplante de medula óssea que mobilizaram mais de duas centenas de pessoas para marcar presença na Secundária da Mealhada e inscreverem-se no “Registo Português de Dadores de Medula Óssea”.

Elsa Corga, vereadora da Câmara Municipal de Águeda, também se associou à causa, por já há algum tempo ter intenção de se registar como dadora: “Faltava apenas surgir a oportunidade. Esta causa diz-me alguma coisa. Quando temos casos na família, ficamos sempre mais sensíveis”, disse, frisando que o facto da recolha ter-se realizado num concelho que não o seu “não foi de todo impeditivo para vir. É um dever que temos, independentemente de ser fora de Águeda”.

Para a autarca aguedense, “em todos os municípios deve realizar-se esta acção. Dou os parabéns à CADES por tão nobre iniciativa”, referiu. Janine de Oliveira, presidente da Direcção da CADES, acabaria por assumir à vereadora que a associação “disponibiliza-se para promover a mesma iniciativa no concelho de Águeda”.

Também Júlio Penetra, vereador da Câmara Municipal da Mealhada, veio testemunhar a acção da CADES, defendendo ser “fundamental que se criem estas oportunidades e pretextos para que as pessoas participem nestas ajudas. É este o mérito da CADES”. O autarca realçou ainda a “adesão à acção, com números extraordinários, o que prova que temos um concelho solidário”.

Leonor Lopes, também vereadora da Câmara Municipal da Mealhada, esteve presente para dar o seu contributo, louvando a acção da CADES, que “com tão pouco tempo de existência já dinamiza este tipo de acções”. Margarida Arede, familiar do pequeno Afonso, esteve também na Secundária da Mealhada, sendo responsável pela vinda de várias pessoas à acção da CADES.

 

Balanço muito positivo

A técnica superior de Serviço Social do CHC, Fátima Pires, fez um balanço muito positivo desta acção conjunta com a CADES, que “superou todas as expectativas. As pessoas mobilizaram-se em grande número. Em nome de todos os doentes, o CHC agradece a colaboração à CADES, por ter promovido a iniciativa”.

“Hoje (ontem, dia 30) foi, sem dúvida, um dia de orgulho para a CADES! Actividades como esta revelam com muita humildade que ‘existimos para o outro’. Sinto-me orgulhosa por todos os intervenientes no processo, desde os elementos do Núcleo de Saúde e Comunicação da CADES, aos profissionais que fizeram questão de apoiar a causa, bem como pela forte adesão da comunidade”, referiu Janine de Oliveira.

Para Joana Fernandes e Carole de Oliveira, coordenadoras do Núcleo de Saúde da CADES, a recolha “ultrapassou as expectativas. As pessoas têm de continuar a acreditar neste tipo de causas, porque precisamos todos uns dos outros”.

 

Nova recolha no dia 13 de Fevereiro

Dia 13 de Fevereiro, das 9 às 17 horas, o CHC, situado dentro da cerca dos Hospitais da Universidade de Coimbra, no edifício São Jerónimo, 4º piso, a pedido dos familiares da Sofia vai realizar nova recolha. Quem estiver interessado em inscrever-se pode fazê-lo nesse dia.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:33

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2010

Carlos Queiroz eleito Personalidade Desportiva do Ano na Gala da Mealhada

IV edição do evento realiza-se no dia 25, no Cine-Teatro Messias

O seleccionador nacional de futebol, professor Carlos Queiroz, é a Personalidade Desportiva do Ano, de acordo com a deliberação do júri da IV Gala Desportiva do Município da Mealhada 2010, que terá lugar no próximo dia 25 de Janeiro, no Cine-Teatro Municipal Messias, a partir das 21.30 horas.

À semelhança de anos anteriores, a Câmara Municipal da Mealhada volta a distinguir o mérito, enaltecer o trabalho e premiar o esforço daqueles que foram os melhores, a nível desportivo, na área do concelho da Mealhada, durante 2009, ou contribuíram, de alguma forma, para o desenvolvimento do Desporto no concelho e para a projecção do Município além das suas fronteiras.

Clube do Ano, Dirigente do Ano, Atleta do Ano, Equipa do Ano, Treinador do Ano, Personalidade do Ano. Prémio Revelação, Prémio Mérito Desportivo, Prémio Incentivo e Alto Prestígio são, apenas, alguns dos troféus cuja atribuição está prevista no regulamento.

Os nomeados (eleitos por um júri independente) serão anunciados durante esta semana.

Como já foi noticiado, Sérgio Godinho é o “cabeça de cartaz” desta 4ª Gala Desportiva do Município da Mealhada, que será apresentada pelo humorista Francisco Menezes.

Além das cantigas de Sérgio Godinho, o programa promete vários números de dança, pela Companhia de Dança Contemporânea Staccato (de Leiria), uma coreografia especialmente preparada para este serão pela CADES e pelo Drama & Dance (da Mealhada), e a actuação de um grupo de dança contemporânea constituído por crianças do concelho da Mealhada.

E, porque se pretende proporcionar um serão alegre, cheio de boa disposição, também o Núcleo Artístico da CADES (Mealhada) apresentará um sketch humorístico.

 

publicado por quiosquedasletras às 09:25

link do post | comentar | favorito
Domingo, 17 de Janeiro de 2010

CADES promove registo de dadores de medula óssea no sábado, dia 30

Escola Secundária da Mealhada recebe iniciativa do Núcleo de Saúde

O Núcleo de Saúde da Associação CADES - Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social vai realizar no próximo sábado, dia 30 de Janeiro, na Escola Secundária da Mealhada, uma sessão de recolha de registo de dadores de medula óssea, que vai decorrer entre as 9 e as 13 horas da parte da manhã e das 14 às 17 horas à tarde.

Uma brigada do Centro de Histocompatibilidade do Centro (CHC) - composta por um médico, um técnico de análises clínicas e uma assistente social - vai estar presente durante todo o dia na Mealhada, na Escola Secundária, para recolher amostras de sangue de voluntários que se queiram inscrever no “Registo Português de Dadores de Medula Óssea” e para esclarecer sobre todos os procedimentos.

São algumas as condições de participação: é necessário que cada voluntário tenha entre 18 e 45 anos; que apresente um peso mínimo de 50 quilogramas; tem necessariamente de ser saudável e nunca ter recebido uma transfusão de sangue.

Os participantes nesta campanha para o registo de dadores de medula óssea não devem ir em jejum e têm de fazer-se acompanhar do respectivo Bilhete de Identidade ou do Cartão de Cidadão.

Recolher o maior número de pessoas para se registarem como potenciais dadores de medula óssea e sensibilizar a população para as leucemias, assim como cativar a atenção das pessoas para estes simples, mas tão importantes actos de solidariedade são os objectivos desta actividade do Núcleo de Saúde da CADES. Desmistificar as técnicas de recolha de células da medula óssea é outro dos objectivos.

Joana Fernandes e Carole de Oliveira, coordenadoras do Núcleo de Saúde da CADES, lançam o apelo para a participação da comunidade em “tão nobre causa”. “Não custa nada e podemos salvar uma vida, um dia, ou quem sabe podemos ser nós a precisar ou alguém por quem faríamos tudo para arranjar compatibilidade. E não dói nada”.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:36

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 13 de Janeiro de 2010

Sérgio Godinho e Francisco Menezes animam 4ª Gala Desportiva do Município da Mealhada

Dia 25, no Cine-Teatro Municipal Messias, às 21.30 horas

Sérgio Godinho é o “cabeça de cartaz” da 4ª Gala Desportiva do Município da Mealhada, que terá lugar já no próximo dia 25, às 21.30 horas, no Cine-Teatro Municipal Messias, e será apresentada pelo humorista Francisco Menezes.

Além das cantigas de Sérgio Godinho, o programa do espectáculo anuncia vários números de dança, pela Companhia de Dança Contemporânea Staccato (de Leiria), uma coreografia especialmente preparada para este serão pela CADES e pelo Drama & Dance (da Mealhada) e a actuação de um grupo de dança contemporânea constituído por crianças do concelho da Mealhada.

E, porque se pretende proporcionar um serão alegre, cheio de boa disposição, também o Núcleo Artístico da CADES (Mealhada) apresentará um sketch humorístico.

Com esta 4ª Gala Desportiva, a Câmara Municipal da Mealhada insiste em distinguir o mérito, enaltecer o trabalho e premiar o esforço daqueles que foram os melhores, a nível desportivo, na área do concelho da Mealhada, durante 2009, ou contribuíram, de alguma forma, para o desenvolvimento do Desporto no concelho.

Clube do Ano, Dirigente do Ano, Atleta do Ano, Equipa do Ano, Treinador do Ano, Personalidade do Ano. Prémio Revelação, Prémio Mérito Desportivo, Prémio Incentivo, Alto Prestígio. Estes são apenas alguns dos troféus, previstos no regulamento, cujos vencedores (eleitos por um júri independente) serão anunciados durante a próxima semana.

 

publicado por quiosquedasletras às 10:30

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 11 de Janeiro de 2010

CADES leva 15 crianças ao palco do Cine-Teatro Messias, na Gala do Desporto da Mealhada

Workshop de Dança Contemporânea é a primeira iniciativa da associação

Alegria e diversão era aquilo que se lia no rosto das 15 crianças que participaram no Workshop de Dança Contemporânea promovido pelo Núcleo de Desporto/Fitness da Associação CADES - Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social e que vão agora subir ao palco do Cine-Teatro Messias. A iniciativa realizou-se no sábado, dia 9, no Grande Hotel de Luso, no Luso, concelho da Mealhada. Para Janine de Oliveira, presidente da Direcção, sendo este o primeiro evento da CADES foi já possível atingir o seu objectivo, “tendo em conta que trabalhámos num grupo onde estão inseridas crianças sem dificuldades financeiras, bem como outras que foram sinalizadas pelo Núcleo Social. Só por isso já valeu a pena a actividade”.

A dirigente referia-se às três crianças encaninhadas pelo Núcleo Social, conforme explicou Isabel Gaspar, da equipa técnica deste núcleo e membro da Direcção: “Além da comunidade específica que abrange o workshop foram incluídas três crianças pelas vagas sociais, que representam o espírito da CADES. Quer isto dizer que todas as actividades promovidas são abertas a todos. A falta de recursos financeiros por parte de alguns pais não constitui factor de impedimento para o acesso às nossas iniciativas”.

Quem também marcou presença no workshop da CADES foi Júlio Penetra, vereador do Desporto e da Acção Social da Câmara Municipal da Mealhada, que enalteceu a equipa desta jovem associação, dizendo que a sua maior expectativa centra-se nos projectos que a CADES propõe realizar, mais concretamente nas áreas do Desporto e Social.

O autarca disse ainda que este tipo de iniciativas “é excelente”, porque há muito espaço de interesse “para cobrir. Mas é preciso estabelecer comunicação com quem já está no terreno”, sublinhou, fazendo referência a outras associações, para assim evitar que “andem a calcar caminho uns aos outros, de forma a impedir sobreposições. Havendo diálogo entre as associações, penso que se consegue fazer muita coisa interessante”, advertiu.

Também Jorge Fonseca, director do Grande Hotel de Luso, lembrou que na altura do nascimento da CADES “fomos desafiados a ajudar a ‘criança’ a crescer. Desde esse momento, o Grande Hotel de Luso disponibilizou-se para apoiar as iniciativas sempre que tal se tornasse oportuno”. Agradecendo à Direcção da CADES por “proporcionar-nos a primeira oportunidade para sermos o anfitrião do workshop”, frisou ser “um gosto acolher o evento que, estamos certos, será o primeiro de muitos outros”.

 

Participantes da Mealhada e Anadia

Com um olhar meigo e doce, Maria Daniela Lebre, sete anos, da Mealhada, foi uma das participantes. Disse que já tinha andado nas danças latinas e que por gostar tanto de dançar, adorou fazer o workshop. Já a mãe, Raquel Espírito Santo, justificou a participação da filha por contribuir para o seu desenvolvimento e porque “ela é muito activa e precisa libertar energia”, louvando a realização deste tipo de iniciativas, tão “raras de acontecer na região”. Raquel ainda tornou a filha sócia da CADES por tratar-se de uma associação para “ajudar pessoas desfavorecidas. Aproveitei a campanha que dava acesso ao workshop e penso que, no futuro, poderá trazer outras mais-valias. O importante é que a Maria Daniela tenha a noção de que está a ajudar alguém e que ao mesmo tempo está a ser ajudada”.

De Tamengos, concelho de Anadia veio outra participante. A Patrícia Silva, com seis anos: “Gostei muito. Foi muito divertido. Nunca tinha participado numa coisa deste género”. O pai, Rui Silva, inscreveu-a pelo seu gosto na dança. A Patrícia também já é sócia da CADES, porque o pai entende que poderá trazer vantagens, quer em termos económicos, quer de prioridade no acesso às actividades. Além de que uma associação deste cariz deve ser “ajudada e apoiada”.

O Bernardo Vaz, oito anos, da Mealhada foi a única participação masculina. Não se mostrando nada inibido por isso, disse ter gostado muito daquela que foi a primeira experiência numa iniciativa como esta. Foi a mãe, Ana Vaz, que o acompanhou, dizendo que o desafio foi aceite pelo filho por gostar muito de dançar, realçando que iniciativas assim são “excelentes por contribuir muito para o desenvolvimento dele e são uma mais-valia para o seu crescimento. Ainda bem que a CADES existe, por estar a proporcionar-nos estes eventos. De outra forma teríamos de ir para cidades grandes, o que se tornava incomportável”.

Visivelmente satisfeita estava Cláudia Cardoso, professora de dança criativa e dança moderna/contemporânea, responsável pela coreografia. “O workshop correu muito bem. Superou as minhas expectativas. Tendo em conta que são crianças, conseguiram, neste espaço de tempo, adquirir as competências desejadas”. Sobre a CADES, a também directora da Companhia de Dança Staccato, de Leiria disse estar “bem impressionada”, principalmente por levar a cabo estas iniciativas “excelentes, na medida em que as crianças não têm muita oferta destas coisas. Hoje não se incentivam os jovens para estas actividades, estou sempre a remar contra a maré”.

As 15 crianças, com idades compreendidas entre os três e os 12 anos, vão agora participar com a coreografia ensinada por Cláudia Cardoso na quarta edição da Gala do Desporto da Mealhada, que vai ter lugar no dia 25 de Janeiro, pelas 21.30 horas, no Cine-Teatro Municipal Messias, na Mealhada.

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:04

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 28 de Dezembro de 2009

CADES organiza Workshop de Dança Contemporânea para crianças apresentarem na Gala do Desporto da Mealhada

Inscrições já estão abertas

O Núcleo de Desporto/Fitness da Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social vai realizar no dia 9 de Janeiro de 2010, no Grande Hotel de Luso, na vila do Luso, concelho da Mealhada, um Workshop de Dança Contemporânea, específico para crianças dos três aos 12 anos. As inscrições já estão abertas.

O Workshop de Dança Contemporânea – iniciativa com o carimbo da CADES – vai ser feito em parceria com o Grande Hotel de Luso, a Câmara Municipal da Mealhada e o Ginásio Korpo Activo, na Mealhada.

O Grande Hotel de Luso foi o local escolhido pela organização para receber a iniciativa, dia 9 de Janeiro de 2010 (sábado), das 15.30 às 18.30 horas. Cláudia Cardoso, da Academia Staccato (Leiria) vai ser a professora.

O workshop – uma actividade do Núcleo de Desporto/Fitness da CADES, conduzida pelos coordenadores Fábia Leite e Luís Silvestre –, tem como objectivo a aquisição de novos conhecimentos na área da Dança Contemporânea. Este workshop vai ainda dar possibilidade às crianças inscritas de poderem vir a participar na quarta edição da Gala do Desporto da Mealhada, que vai ter lugar no dia 25 de Janeiro, pelas 21 horas, no Cine-Teatro Municipal Messias, na Mealhada. A coreografia para a ocasião ficará a cargo de Cláudia Cardoso, com o apoio de Janine de Oliveira.

As inscrições estão já abertas e podem ser feitas no Grande Hotel de Luso, no Pavilhão do Luso ou no Ginásio Korpo Activo. Para quem não é sócio da CADES, o preço é de 15 euros, sendo de 10 euros para sócios. Em virtude da época natalícia, a CADES está a fazer uma “Promoção de Natal”: os interessados em tornarem-se sócios da CADES, ao pagar a cota para 2010 (25 euros) podem fazer o Workshop Contemporâneo gratuitamente.

Para mais informações contactar os números 96 267 35 91 (Janine de Oliveira), 91 480 14 85 (Fábia Leite) ou 91 209 76 93 (Luís Silvestre).

 

 

publicado por quiosquedasletras às 09:34

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 5 de Novembro de 2009

Brilho e solidariedade marcam arranque da CADES

Associação faz jantar de apresentação na Mealhada

“Nasceu a CADES. Um grito de esperança, um grito da alma. Um grito para o outro. Não falo de pobres, ricos, infelizes, indefesos, coitadinhos. Falo de pessoas. Pessoas que querem viver melhor”. Foi desta forma que Janine de Oliveira, presidente da Direcção da Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social (CADES), se dirigiu a mais de centena e meia de pessoas, presentes durante o jantar de apresentação da associação - fundada a 2 de Setembro último -, que teve lugar na noite do dia 28 de Outubro, no Conjunto Turístico Quinta dos Três Pinheiros, na Mealhada.

“A CADES quer ser um sorriso, um gesto de ternura, uma voz, um ouvido, um cumprimento, um abraço, um beijo, um mimo. Não vamos mudar o mundo, mas vamos certamente colorir o mundo de Alguém”, dizia Janine de Oliveira, que dava assim a conhecer o objectivo principal da associação que lidera: pôr em prática o exercício da solidariedade e a promoção do desenvolvimento comunitário através da arte, do desporto, da vertente educativa e social. Uma associação de e para a Bairrada, mas que ambiciona voar mais alto e chegar a todo o país.

A forma de actuação da CADES, para promover a solidariedade, será através de seis núcleos de intervenção: Social/Saúde, Artístico, Educação/Formação, Fitness/Desporto, Gastronómico e Comunicação. “Somos muitos para existir para os outros”, sublinhou a presidente, visto o corpo técnico da CADES contar já com mais de 50 elementos e a breve trecho ver este número crescer, com o nascimento de um sétimo núcleo, de Artes Orientais, “que terá como objectivo a promoção, formação e intervenção nas áreas das artes orientais, sejam elas marciais, terapêuticas ou meramente culturais”, conforme explicou Janine de Oliveira.

O jantar ficou marcado pela dinâmica que a apresentação singular de cada núcleo gerou ao longo da noite. Os Núcleos Gastronómico e de Fitness/Desporto exibiram um vídeo; o Social/Saúde apresentou um momento em palco com a declamação de um poema ao som de violino e piano e com sombras chinesas; o Núcleo Educação/Formação subiu ao palco para contar uma história onde foi apresentado o seu plano de actividades para 2010; o Artístico trouxe teatro e o Núcleo de Comunicação entregou uma brochura com a constituição dos seis núcleos e os órgãos sociais da CADES.

 

“O Desporto é de todos”

Relativamente às actividades que vão ser desenvolvidas pelos núcleos, Janine de Oliveira deu a conhecer algumas delas. O projecto “O Desporto é de todos” - do Núcleo de Fitness/Desporto - vai proporcionar a todos os que não têm possibilidades a prática de actividade física e desportiva. Mas é o Núcleo Social/Saúde que terá como função sinalizar a população alvo e encaminhar para as diversas modalidades. A Sociedade Hoteleira Pedro dos Leitões e a empresa “JB Pires Construções, Lda.” vão ser parceiros neste projecto: “Numa primeira fase, a ter início em Janeiro de 2010, cinco crianças vão ser contempladas”, revelou a presidente da CADES.

O Núcleo de Educação/Formação criou uma “Bolsa de Incentivo Escolar”. Este apoio consistirá na compra de livros, material escolar e informático, sendo o Grupo Leya, maior grupo editorial português, o parceiro neste projecto.

“Estes são apenas alguns exemplos do que pretendemos fazer. Mas temos muitos outros projectos que a curto prazo se irão concretizar. Projectos estes que ainda estão órfãos e que precisam de pais”, disse Janine de Oliveira, deixando o apelo a todos os presentes para que “nos ajudem a existir para os outros”, justificando o lema da equipa CADES: “Existimos para si!”.

 

Leilões ajudam a CADES a crescer

“Estamos a nascer, faça-nos crescer!”. Esta foi a frase que se ouviu mais vezes durante a noite do dia 28 de Outubro e que motivou a realização de três leilões, que contaram com Luís Simões, vice-presidente da CADES, como licitador.

O primeiro apresentou uma série de três livros - “Memória de Elefante” e “Os Cus de Judas”, de António Lobo Antunes e “Caim”, de José Saramago -, estando os dois primeiros autografados pelo autor e sendo os três de edição numerada, oferecidos pelo Grupo Leya. José Alfredo, da empresa “Certoma”, na Mealhada, foi quem deu mais.

Foi também leiloada uma camisola do Sporting Clube de Portugal, autografada pelo plantel e oferecida pela equipa técnica do clube, que foi comprada por João Pires, da empresa “JB Pires Construções, Lda.”, que entretanto voltou a oferecer a camisola à CADES, que voltou a leiloar, acabando por ficar a camisola com Amílcar Maia Henriques, empresário de Águeda.

A Casa do Benfica da Bairrada ofereceu uma camisola do Sport Lisboa e Benfica (SLB) à CADES, autografada pelo plantel, vindo a comprá-la no leilão com uma delegação da equipa de Futsal do SLB presente no jantar - constituída pelo treinador André Lima, pelo jogador Ricardinho e pelo secretário técnico João Pedro Ferreira -, voltando a oferecer a mesma camisola à CADES, que acabou por ser adquirida por Janine de Oliveira.

A camisola da Académica de Coimbra OAF, oferecida e autografada pelo plantel, foi comprada por Nuno Pires, presidente do Conselho Fiscal da CADES. A do Paços de Ferreira, também oferecida pelo plantel e autografada, foi adquirida por Cláudio Pires, presidente da Assembleia Geral da CADES. A última camisola, do Vitória de Guimarães, ficou com José Mendes, presidente do Sporting da Covilhã. Esta camisola estava autografada por todo o plantel, que fez a oferta.

O último leilão foi feito com um quadro do ceramista mealhadense Paulo Júlio, sendo comprado pelo presidente da Direcção da Associação Comercial e Industrial da Mealhada (ACIM), Carlos Pinheiro.

De referir que entre os convidados da noite estiveram figuras do futebol português - como Paulo Sérgio (treinador do Guimarães); Vítor Pontes (treinador); João Tomás (jogador do Rio Ave); Orlando, Sougou e Bruno Amaro (da Académica de Coimbra OAF) e o director da formação, Pedro Roma, entre outros -, que não ficaram indiferentes ao convite feito pela associação, manifestando a sua solidariedade ao apadrinhar a CADES em dia de apresentação à comunidade.

Presentes estiveram também o presidente da Câmara da Mealhada, Carlos Cabral e a vice-presidente, Filomena Pinheiro; Teresa Belém e Jorge Sampaio, vice-presidente e vereador, respectivamente, da Câmara de Anadia; Catarina Rodrigues, directora regional do Instituto do Desporto de Portugal (IDP) - Centro; assim como Ana Covas, coordenadora da equipa de apoio às escolas de Aveiro e Fernando Trindade, director da Escola Secundária da Mealhada, entre outras entidades, de várias áreas e empresários.

 

publicado por quiosquedasletras às 08:28

link do post | comentar | favorito
Domingo, 25 de Outubro de 2009

“A CADES vai melhorar a sua vida!”

Nova associação já caminha

A Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social está a três dias de dizer à comunidade: “Existimos para si!”.

 

publicado por quiosquedasletras às 07:39

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 21 de Outubro de 2009

“Ela está bem perto de si...”

Nova associação dá os primeiros passos

A Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social está prestes a mostrar-se à comunidade.

 

publicado por quiosquedasletras às 07:35

link do post | comentar | favorito
Sábado, 17 de Outubro de 2009

“A CADES chegou para si...”

Nova associação já gatinha

A Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social está cada vez mais próxima da comunidade.

 

publicado por quiosquedasletras às 08:26

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Receba o Quiosque

Insira o seu endereço de e-mail:

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Cerca de 250 pessoas no r...

Carlos Queiroz eleito Per...

CADES promove registo de ...

Sérgio Godinho e Francisc...

CADES leva 15 crianças ao...

CADES organiza Workshop d...

Brilho e solidariedade ma...

“A CADES vai melhorar a s...

“Ela está bem perto de si...

“A CADES chegou para si.....

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Rostos SAPO Local

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds