Sexta-feira, 18 de Abril de 2008

Ministra pode reabrir Urgência em Anadia

Reuniões entre autarca e tutela continuam, não estando para já definido acordo

Anadia pode recuperar o serviço de Urgências do Hospital José Luciano de Castro, encerradas desde o dia 2 de Janeiro. A garantia é da ministra da Saúde. Ana Jorge sublinhou, em entrevista ao DN e à TSF, que “vai ser mantido o atendimento à doença aguda e às não programadas em Anadia durante o dia”, o que “provavelmente será extensível até às 24 horas”.

Trata-se de um dos casos mais polémicos e emblemáticos, que levou a população anadiense e o autarca local, Litério Marques, à revolta.

“A decisão vai ser tomada entre o presidente da Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC), o presidente da Câmara e eu”, disse a ministra da Saúde, acrescentando que esta deverá ser “a mais adequada para Anadia, para que a população não sinta que perdeu algo que é a sua segurança”.

A este propósito lembrou que já teve alguns encontros com Litério Marques, frisando o “clima de grande abertura e diálogo com esta autarquia”.

publicado por quiosquedasletras às 09:07

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 17 de Abril de 2008

Tertúlia “Os Caminhos da Moda” no Hotel Moliceiro

Com a presença de Manuel Serrão e dos estilistas Katty Xiomara e Celsus

No dia 19 de Abril, sábado, pelas 16.30 horas, o Teatro Aveirense, em parceria com o Hotel Moliceiro, promovem uma conversa com dois estilistas/criadores portugueses, - Katty Xiomara e Celsus -, que a par com um dos maiores impulsionadores da moda em Portugal, Manuel Serrão - empresário/coordenador do “Portugal Fashion” -, tentarão mostrar o seu reflexo na cultura e economia de um país.

É objectivo dos promotores desta actividade, bem como dos convidados em questão, dar o seu testemunho sobre a criatividade e o mundo da moda, em Portugal e além fronteiras.

“Mais do que um capricho, o vestir traduz um acto criativo e reflecte o espírito de dada época, muda com o tempo e têm a imensa capacidade de mudar até mentalidades”, refere Maria da Luz Nolasco, directora geral do Teatro Aveirense.

A tertúlia vai ter lugar no Hotel Moliceiro, em Aveiro, sendo no mesmo dia anunciada a data da realização do desfile do “TA Fashion”.

publicado por quiosquedasletras às 09:11

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Abril de 2008

Entre os dias 6 e 18 de Abril

Autarquia de Águeda promove “Quinzena do Ambiente 2008”

A Câmara Municipal de Águeda está a promover desde o dia 6 até 18 de Abril, sexta-feira, a “Quinzena do Ambiente 2008”. É uma oportunidade para reflectir e agir numa área tão importante como a protecção ambiental, ao mesmo tempo que se fomenta o melhor conhecimento do concelho e se incentiva o contacto com a natureza.

Trata-se de uma iniciativa da autarquia de Águeda, através dos diversos serviços dos pelouros do Ambiente e da Cultura. Nesta acção de sensibilização são propostas actividades que têm como principal objectivo despertar e alertar a população para a problemática ambiental, envolvendo a comunidade escolar e instituições do concelho.

Assim, a quinzena com mais Ambiente do ano, abriu em Águeda no dia 6, inundada de cor e sons da natureza (música ambiente seleccionada para o efeito), dando especial destaque à beleza dos sons que a natureza empresta gratuitamente ao nosso quotidiano. Na Galeria Municipal, simultaneamente, foi também inaugurada a exposição de trabalhos de pintura artística intitulada “Ambientes da Árvore”, da autoria dos cerca de vinte pintores da Cooperativa Árvore, do Porto, convidados para o efeito.

A exposição estará patente ao público, durante o período da “Quinzena do Ambiente”, das 9 às 18 horas.

 

Quinzena organizada em cinco circuitos

Durante a quinzena, que se organiza em cinco circuitos - Margarida, Alfazema, Violeta, Narciso e Camélia -, os visitantes poderão visitar exposições permanentes, como a Exposição de Fornos e Carros Solares (pelos alunos do Instituto Duarte de Lemos, no âmbito do Projecto “Padre Himalaia”); a Tenda Ecológica, com projectos da Escola Secundária Marques Castilho; a Casa do Ambiente (esta semana) e integrar um Passeio Lúdico pelo Parque da Alta Vila, amanhã, às 10.30 horas.

Propõem-se ainda os Contos no Jardim, no Salão de Chá do Parque da Alta Vila; ateliers de pintura na Galeria Municipal, com a pintora Gina Marrinhas; visitas guiadas pelo Parque da Alta Vila, onde os participantes poderão frequentar a Biblioteca Ambiente, no Pólo de Leitura, e serem jardineiros por um dia na acção Pequenos Grandes Jardineiros.

 

Concurso “Águeda Florida – Janelas e Varandas Floridas”

Integrada igualmente na “Quinzena do Ambiente 2008” está a 1ª edição do concurso “Águeda Florida – Janelas e Varandas Floridas”. O objectivo consiste em embelezar as janelas e varandas, nas 20 freguesias do concelho de Águeda, promovendo uma nova imagem e sensibilizando os munícipes para outra forma de viver e sentir. Pretende-se incentivar o gosto e o cuidado pelos espaços verdes, promover o contacto com a natureza, tirando partido dos jardins de proximidade. O concurso “Águeda Florida – Janelas e Varandas Floridas” tem inscrições abertas até ao próximo dia 30 de Abril.

publicado por quiosquedasletras às 09:16

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Abril de 2008

Celebrações do 34º aniversário da Revolução de Abril começam dia 24

Mealhada comemora 25 de Abril de 1974 com concerto de Manuel Freire

As comemorações dos 34 anos da Revolução dos Cravos vão ter início logo na noite do dia 24 de Abril, pelas 21.30 horas, no Cine-Teatro Messias, com um concerto de Manuel Freire, autor da música “Pedra Filosofal”, de um poema de António Gedeão.

As celebrações prosseguem no dia 25, pelas 10 horas, com o habitual programa de comemorações do 25 de Abril de 1974, que inclui uma sessão solene da Assembleia Municipal da Mealhada.

O Cine-Teatro Messias vai ser palco, dia 24 de Abril, de um concerto realizado pelo autor da música “Pedra Filosofal”, de um conhecido poema de António Gedeão. Manuel Freire, que nasceu em Vagos, distrito de Aveiro, curiosamente, a 25 de Abril de 1942, vem assim à Mealhada assinalar os 34 anos da Revolução dos Cravos. Manuel Freire começou a cantar ainda durante o tempo de liceu. Todavia, foi nos anos 60, em Coimbra, que se associou a outros grandes nomes, como José Afonso e Adriano Correia de Oliveira, e colocou a sua veia artística ao serviço das causas da Educação, Democracia e Liberdade.

As reservas para o espectáculo podem ser efectuadas através do telefone 231 209 870 e os ingressos podem ser ainda adquiridos, e levantados, na bilheteira do Cine-Teatro, das 20 às 22 horas, de quinta a segunda-feira, ou das 15 às 18 horas de domingo.

 

Comemorações prosseguem no dia 25

As comemorações dos 34 anos do 25 de Abril de 1974 prosseguem no dia 25 de Abril, logo pelas 10 horas. Está, então, marcado para essa hora, o Hastear da Bandeira Nacional nos Paços do Município, a Guarda de Honra pelos Bombeiros da Mealhada e da Pampilhosa, o Hino Nacional executado pela Filarmónica Lyra Barcoucense 10 de Agosto, a Largada de Pombos pelo Grupo Columbófilo da Mealhada e a Deposição de uma coroa de flores junto ao monumento aos mortos em combate do concelho da Mealhada.

A habitual sessão solene da Assembleia Municipal da Mealhada está marcada para as 10.10 horas, no Salão Nobre dos Paços do Concelho. O programa de comemorações termina da parte da tarde, com um concerto realizado pela Filarmónica Pampilhosense, agendado para as 16.30 horas, no Jardim Municipal da Mealhada.

publicado por quiosquedasletras às 08:44

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Abril de 2008

“Há vida no Parque!” para as turmas do 4º ano do concelho de Águeda

Actividade visa a descoberta da flora e fauna do Parque da Alta Vila

O Parque da Alta Vila, em Águeda, tem árvores dos cinco continentes e é por isso, e não só, que o “AparqA!” lança um desafio aos mais pequenos e um convite aos professores do 1º Ciclo, com um percurso à descoberta da flora e da fauna existente no parque.

“Há vida no Parque!”, nome da actividade, é o mote para conhecer as árvores, as aves e as borboletas que por ali podem ser encontradas.

Durante aproximadamente hora e meia as crianças vão experimentar o papel de cientistas, botânicos e zoólogos. Numa caça aos tesouros, entre o lúdico e o pedagógico, vão recolher amostras, desenhar e tomar notas dos espécimes que encontram pelo caminho. Munidos de um mapa, um guia e um caderno de campo, kit essencial para quem procura na natureza, têm como objectivo coleccionar, como numa caderneta de cromos, os espécimes mais vulgares. E até, quem sabe, encontrar, como verdadeiros cientistas, algo ainda por descobrir.

Esta exploração conta com várias actividades, desafios, pistas, encontros e jogos que vão acontecer e aumentar as possibilidades de experiência, conhecimento e divertimento.

No fim do percurso consulta-se o grande livro, catálogo onde consta a colecção, sempre em evolução, da vida no parque. Desta forma, o conhecimento da flora e fauna do parque passará a constituir um património disponível a todos os participantes e visitantes do parque, bem como um contributo para o desenvolvimento de projectos colaborativos no Parque da Alta Vila e nas escolas do concelho.

 

Visitas com inscrições limitadas

As visitas, com inscrições limitadas, são destinadas a todas as turmas do 4º ano de escolaridade do concelho de Águeda.

Os interessados devem marcar a sua reserva por correio electrónico para aparqa.altavila@gmail.com ou pelo telefone 96 626 43 48.

Os criadores e monitores desta actividade são o biólogo e investigador Paulo Pereira e o criativo e coordenador do “AparqA!” Bitocas, com uma equipa de especialistas e criativos que ajudaram à concepção desta nova Vida no Parque. 

publicado por quiosquedasletras às 08:37

link do post | comentar | favorito
Domingo, 13 de Abril de 2008

“Aveiro - Uma Região de Turismo” patente até dia 27

Exposição dos trabalhos do 1º Concurso Internacional de Fotografia Digital

Foi inaugurada no dia 4, na Galeria dos Paços do Concelho, em Aveiro, a exposição dos trabalhos decorrentes do 1º Concurso Internacional de Fotografia Digital “Aveiro - Uma Região de Turismo”, promovido pela Região de Turismo Rota da Luz.

Englobando 207 fotografias, escolhidas de um total de 600 obras a concurso, a exposição apresenta um modelo diferenciador de promoção do território. Com uma estrutura expositiva ágil, que permite ser adaptada a múltiplos espaços, a mostra fotográfica irá percorrer um circuito de itinerância pelos diversos municípios que integram a região de Aveiro, divulgando diferentes perspectivas do mesmo destino.

O 1º Concurso Internacional de Fotografia Digital “Aveiro - Uma Região de Turismo” abrangeu diversas temáticas - Natureza, Montanha, Ria, Espaços Urbanos e Desporto -, evidenciando as inúmeras possibilidades de registos de imagem, assim como vivências e experiências únicas.

A fotografia digital reúne inúmeros adeptos nacionais e internacionais e permite aproximar públicos diferentes que partilham a mesma motivação pela arte fotográfica. Neste sentido, e precedendo o lançamento do concurso fotográfico, a Região de Turismo Rota da Luz promoveu um workshop de Fotografia Digital, no qual foram aplicadas diferentes técnicas de tratamento de imagem.

Observando o êxito da iniciativa será lançada, brevemente, a 2ª edição do Concurso Internacional de Fotografia Digital “Aveiro - Uma Região de Turismo”.

A exposição, patente até 27 de Abril de 2008, pode ser visitada de terça-feira a domingo, das 14 às 19 horas.

publicado por quiosquedasletras às 10:28

link do post | comentar | favorito
Sábado, 12 de Abril de 2008

Alexandre Baptista é o vencedor do primeiro prémio da vertente concurso da mostra

Leitão da Bairrada inspira exposição no Museu do Vinho Bairrada

Obras de artistas plásticos como Júlio Pomar, Cruzeiro Seixas, José Rodrigues, Onik Sahakian (discípulo de Salvador Dalí e seu joalheiro) e Mário Silva, entre outros, num total de 60, podem ser agora vistas no Museu do Vinho Bairrada, em Anadia, que vai acolher, até ao dia 21 de Setembro, a exposição/concurso “Sua Majestade - O Rei”, I Exposição Colectiva de Arte Contemporânea da Bairrada, que tem como tema o Leitão da Bairrada.

A primeira colectiva/concurso de pintura, escultura e fotografia contemporânea realizada na Bairrada, que inaugurou no último sábado, dia 5, foi organizada e promovida por três entidades distintas: Confraria Gastronómica do Leitão da Bairrada (CGLB), Nuno Sacramento - Galeria de Arte Contemporânea e Câmara Municipal de Anadia/Museu do Vinho Bairrada.

Para Pedro Dias, director do Museu do Vinho, esta será uma oportunidade rara, em cidades pequenas como Anadia, para apreciar os trabalhos de nomes consagrados das artes plásticas, correspondendo à estratégia do espaço que dirige, de não se confinar ao carácter regional.

 

Alexandre Baptista ganha o primeiro prémio

Durante a inauguração da colectiva de pintura, escultura e fotografia foram anunciadas as cinco menções honrosas e os premiados, escolhidos pelo júri de premiação da primeira edição do prémio “Sua Majestade - O Rei”. A concurso estiveram 35 artistas. De referir que os três prémios são prémios/aquisição, passando os três trabalhos vencedores a constituir património da instituição promotora, a CGLB.

Alexandre Baptista foi o primeiro classificado, com um trabalho de técnica mista sobre madeira intitulado “I’ll eat you”, que lhe valeu um prémio no valor de 5 mil euros. Licenciado em Artes Plásticas, Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, Alexandre Baptista disse aos jornalistas que “este prémio significa o reconhecimento do meu trabalho. Agradeço a oportunidade que me foi dada e o convite que me foi feito para participar”.

O segundo prémio foi para João Noutel, no valor de 3 mil euros. Trata-se de um desenho em suporte fotográfico intitulado “HRH, The King”. O terceiro prémio, de 2 mil euros, foi para Augusto Canedo, com um óleo sobre tela denominado “Réco-réco”.

 

Cinco menções honrosas

O júri de premiação decidiu atribuir ainda cinco menções honrosas aos artistas Abílio Febra, Carla Faro Barros, Gustavo Fernandes, Isabel Padrão e Pedro Tavares.

António Duque, presidente da Direcção da CGLB, referiu na inauguração que “no âmbito cultural, esta é a primeira iniciativa que a Confraria leva por diante. Estamos certos que esta exposição, só por si, vai marcar a vida, ainda curta, deste Museu”.

De terça a sexta-feira, das 10 às 13 horas e das 14 às 18 horas e aos fins-de-semana e feriados, das 11 às 19 horas a mostra pode ser visitada, até 21 de Setembro.

publicado por quiosquedasletras às 09:25

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 11 de Abril de 2008

Período de consulta pública termina dia 8 de Maio

Estudo de Impacte Ambiental da Plataforma Rodo-      -ferroviária da Pampilhosa está em consulta pública

O Estudo de Impacte Ambiental da Plataforma Rodo-ferroviária da Pampilhosa, incluindo o Resumo Não Técnico, encontra-se disponível para consulta pública, na Câmara Municipal da Mealhada, até ao próximo dia 8 de Maio. O período de consulta pública teve início no passado dia 2 de Abril e prolonga-se por 25 dias úteis, até ao dia 8 de Maio de 2008.

No âmbito do processo de consulta pública serão consideradas e apreciadas todas as exposições, relacionadas com o processo em avaliação, que forem apresentadas por escrito e dirigidas ao presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) - enquanto Autoridade de Avaliação de Impacte Ambiental -, na Rua Bernardim Ribeiro, n.º 80, 3000 - 069 Coimbra, até ao próximo dia 8 de Maio.

O referido estudo pode ainda ser consultado na Agência Portuguesa do Ambiente, na CCDRC, ou mesmo, em formato digital, no sítio da última entidade: www.ccdrc.pt. O Resumo Não Técnico pode também ser consultado, em suporte de papel, na Junta de Freguesia da Pampilhosa.

publicado por quiosquedasletras às 10:29

link do post | comentar | favorito

Carlos Cabral diz que autarquia transitou para 2008 sem dívidas a fornecedores e empreiteiros

Documentos de Prestação de Contas 2007 aprovados por maioria

Os documentos de Prestação de Contas do ano 2007 foram aprovados, na última reunião do Executivo Municipal da Mealhada, que decorreu dia 3, com quatro votos favoráveis e dois contra. “Conseguimos uma taxa de execução ao nível das receitas de cerca de 98% e uma taxa de execução ao nível das despesas de cerca de 79%. Transitámos para 2008 com zero de dívidas a fornecedores e empreiteiros. Meus senhores, desafio-os a procurar no país taxas de execução como estas”, afirmou o presidente da Câmara Municipal da Mealhada, Carlos Cabral.

“Encerrado o ano económico de 2007 e, face à análise da actividade da Câmara Municipal, conclui-se que foram cumpridas todas as propostas constantes no Orçamento e Opções do Plano (OOP) para 2007 e alicerçadas as estratégias de desenvolvimento do concelho no contexto regional e nacional”, sublinhou a vice-presidente da autarquia, Filomena Pinheiro, responsável pelo pelouro Financeiro, defendendo que “melhor que os números, são as acções e os resultados”.

“O que foi apresentado para 2007 foi feito”, defendeu a vice-presidente, enquanto iam sendo enumerados alguns investimentos previstos no OOP de 2007, como a conclusão da rede de esgotos nas Carvalheiras, Louredo, Monte Novo e Salgueiral, a construção de várias estradas municipais, da passagem superior à linha ferroviária Pampilhosa-Figueira da Foz, a remodelação de alguns edifícios escolares, a requalificação de zonas desportivas e suas envolventes, o melhoramento da Avenida Navarro, no Luso e a aquisição do Cine-Teatro do Luso, a Segunda Fase da Zona Industrial da Pedrulha, entre vários outros.

publicado por quiosquedasletras às 09:02

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 10 de Abril de 2008

Companhia Olga Roriz

Teatro Aveirense recebe amanhã espectáculo “Paraíso”

O Teatro Aveirense, em Aveiro, recebe amanhã, na Sala Principal, às 21.30 horas, o espectáculo de dança “Paraíso”, da Companhia Olga Roriz. Os bilhetes vão custar entre 8 a 15 euros, podendo estar sujeitos a descontos.

O espectáculo, coreografado e dirigido por Olga Roriz, conta também com a sua direcção ao nível da selecção musical, tendo sido uma encomenda do Teatro Nacional de São Carlos em co-produção com o Festival de Música, em Leiria.

“Paraíso” nasce sem história e inusitada e criteriosamente vai buscar uma sobreposição de cenas que compõe o espectáculo. É uma peça inspirada no musical americano. A sua estrutura é intencionalmente composta por uma sucessão de números, onde os clichés do tema principal são uma recorrência.

Tal como o tema exige, em “Paraíso” os bailarinos desdobram-se em cantores desenvolvendo os seus dotes de intérpretes totais. Poderá ouvir-se uma variedade de temas tão conhecidos como “My funny Valentine” cantado por Maria Cerveira; “Je ne t’aime pas” na voz de Sylvia Rijmer; “Homens e Mulheres” e “Bang Bang” por Sara Carinhas; “Milonga del mono” por Catarina Câmara e “Cantigas de Maio” por Pedro Santiago Cal.

As composições de Gershwin, Nino Rota, Bernstein e Pascale Comelade, assim como canções de Boris Vian, Dean Martin, Frank Sinatra, Edith Piaf e Cármen Miranda farão parte da banda de som que guiará ao longo deste paraíso musical.

publicado por quiosquedasletras às 09:13

link do post | comentar | favorito

Pesquisar

 

Receba o Quiosque

Insira o seu endereço de e-mail:

Março 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Últimas Letras

Aeróbica reuniu cerca de ...

Câmara Municipal de Aveir...

Seminário Internacional “...

Luís Fernandes, da d’Orfe...

Voluntários ajudam a limp...

Recortes de jornais desde...

Rota da Lampreia e da Vit...

Câmara Municipal de Anadi...

Candidaturas ao Fundo Soc...

Reunião aberta para a ini...

Letras na gaveta

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Letras

todas as tags

Rostos SAPO Local

Banca de Notícias

Contacto

quiosquedasletras@sapo.pt
blogs SAPO

subscrever feeds